quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Dirceu e um desgoverno paralelo?




Os ingênuos chegam a vislumbrar ressentimentos entre a Presidente e o seu mentor, por causa dos diletos assessores cheios de graça e rabo preso que herdou, ou os que escolheu por indicação do famigerado. Foram os ossos do oficio.

Ao sair do nada para a mais alta posição, o custo seria alto. Ela é limitada e ruim em conectar os neurônios.

Por isso, reclamar jamais e decretou como recomendado, o fim de uma faxina na qual não deu a primeira, nem pode impedir as demais vassouradas. Límpido assim.

Basta acompanhar os périplos do Ex aqui e no exterior, de avião pra lá e pra cá, de palestra em palestra, e de soslaio mirar seus cumpanheiros de viagens, de andanças demagógicas, em Cuba e adjacências para saber que lá estavam, entre outros próceres da bandalheira, o nefasto Dirceu.

Dirceu acusado e afastado foi brindado pelo seu ex – chefe com palavras sobre sua magnificência, sobre a sua grandeza, sobre a sua conduta impar. Na saída do cargo, recordemos como Dirceu saudou a “cumpanheira de armas”. Foi tocante.
Assim, se alguém dúvida que estejamos falando da mesma quadrilha, do mesmo acumpliciamento, pretendendo visualizar um desgoverno paralelo, vai morrer imaginando bobagens.
Estejam certos tantos quantos não acreditam em Papai Noel e no Coelhinho da Pascoa, que o Dirceu se locomove hoje com tanta ou mais desenvoltura do que antes, mas não para enfraquecer o atual desgoverno, na verdade, oficiosamente engendra tramoias, encena arrufos, apenas para desviar atenções e confundir ameaças.

Não esqueçam que uma parte substancial da mídia e o próprio gestor da mídia do desgoverno, o Franklin Martins foi um dos convivas das viagens de sua majestade. O quanto e como tramaram, nem o diabo sabe.

Juntos confabularam, planejaram e soltaram torpedos enganadores.

O contexto faz parte de uma ação diversionária para confundir e criar impressões falsas. No fundo, devem gargalhar dos equívocos que plantam na cabeça dos ingênuos.

A atual investida contra São Paulo sublinha o maquiavelismo que se esconde nas confabulações da asquerosa cúpula.

Felizmente, não dominaram toda a imprensa e, ainda, são surpreendidos com reportagens investigativas, que ao demonstrarem o poder de Dirceu, apenas comprovam que sua liberdade de ação é tão descarada que somente com o conhecimento, a orientação e o financiamento da cúpula do desgoverno, ele poderia transitar tão leve e solto.

A leitura correta seria buscar, como por detrás dos bastidores, além da falsa impressão de liderar um desgoverno paralelo, o que realmente está acontecendo, seria olhar mais ao longe, por detrás dos muros, por detrás dos morros, para descortinar qual a verdadeira missão do senhor Dirceu.

Enfraquecer a Presidente no momento atual, seria a última ação a ser praticada pelo petismo, seria o tiro no pé, seria atestar que a terna senhora foi um tremendo equivoco do seu guru.

Por tudo, cuidado com as conclusões precipitadas, o bando é um só, uns menos, outros mais vermelhos, mas todos têm um objetivo comum, submeter esta Nação.

Eles são mestres em criar falsas impressões, subverter mentes, iludir os incautos. Não esqueçamos de que eles eram terroristas, mas hoje, como num passe de magica, são cultuados como heróis.
Dirceu, carinhosamente, é o que podemos denominar de "o aloprado oficial" do atual desgoverno.

Brasília, DF, 30 de agosto de 2011.

Gen. Bda Rfm Valmir Fonseca Azevedo Pereira

Manifestações contra a corrupção mobilizam internautas no Facebook

Fernanda Nascimento

No início de maio, uma brincadeira no Facebook reuniu mais de 50 mil adeptos e se transformou no “Churrascão da Gente Diferenciada”, que reuniu centenas de paulistanos para protestar contra a desistência do governo de construir um metrô na Avenida Angélica, em Higienópolis.

Desde então, a ideia de promover eventos com o amparo da rede social se disseminou. Há um mês, um grupo de cariocas criou o movimento

“Todos juntos contra a corrupção”, que pretende transformar a mítica Cinelândia, no dia 20 de setembro, em palco da primeira grande manifestação contra a safra de escândalos envolvendo figuras de governo — como os ex-ministros Antonio Palocci, da Casa Civil, Alfredo Nascimento, dos Transportes, e Wagner Rossi, da Agricultura. Segundo os organizadores, cerca de 17 mil pessoas já garantiram presença.

Inspirados no exemplo carioca, grupos de brasileiros inconformados com a corrupção endêmica começam a movimentar-se em mais de 20 capitais.

Os atos de protesto estão marcados para 7 de setembro, Dia da Independência. Só em São Paulo, são previstos quatro , na Avenida Paulista. Um deles é o desfile da escola de samba “Unidos contra a corrupção”. Por enquanto, prevê-se o comparecimento de 18 mil convidados.

Somados, os internautas que traduzem sua indignação no Facebook passam de 100 mil. Alguns prometem participar das manifestações vestidos de preto, outroa optaram pelo verde e amarelo. Os líderes dos movimentos se declaram apartidários. Acham apenas que chegou a hora de levar às ruas a indignação de boa parte dos brasileiros contra a corrupção impune

“A senhora investe em habitação e, na sua campanha, a senhora teve, como foco principal, cunho social, uma visão social?”.

Locutor da rádio Metrópole, de São José do Rio Preto, durante a entrevista com Dilma Rousseff gravada em 19 de agosto, numa pergunta em dilmês ultraprimitivo que não diz coisa com coisa.


“É verdade, viu, Jair? Eu fiz minha campanha voltada à questão da dimensão social de qualquer desenvolvimento”.

Dilma Rousseff,
na resposta ao locutor Jair de Tal, caprichando no dilmês castiço para não dizer coisa com coisa.

A verdade vai aparecendo



Um dos maiores empulhamentos que se tentou criar no Brasil é que quem mais sofreu com a censura e resistiu foram os jornalões, mas revistonas. Uma fraude, uma farsa. Falsos heróis continuam falando de uma valentia que não tiveram. Negociavam com os militares no escurinho do cinema.
Em alguns raros dias, como a noite do AI-5, de fato todas as redações foram pressionadas pessoalmente por militares. Mas logo iam embora e a censura era feita pelo telefone, entre amigos.
Censura mesmo sofreu a “Tribuna”, porque se rebelava, resistia, denunciava as torturas, publicava as noticias de assassinatos.

Quando surgiram o “Pasquim”, “Politika” e “Opinião”, esses foram também diretamente censurados. Tínhamos que entregar tudo antes para ser censurado em Brasília. Mas os “jornalões”, não. Nunca tiveram de mandar edições para Brasília.


SEBASTIÃO NERY

BRASIL: FRAUDE EXPLICA!



Fábio Konder Comparato



Ninguém medianamente conhecedor de nossa História ignora que a corrupção dos agentes públicos é um mal endêmico no Brasil e existe desde o início da colonização, abrangendo indistintamente todos os órgãos do Estado. De se notar, aliás, que até a separação entre a Igreja e o Estado, com o advento do regime republicano, os membros do clero não se distinguiam muito dos funcionários leigos, sob esse aspecto.

Para ficarmos tão-só no campo da corrupção da Justiça, é preciso lembrar o testemunho dos viajantes estrangeiros durante todo o século XIX.

No relato de sua viagem ao Rio de Janeiro e a Minas Gerais, no início do século, Auguste Saint-Hilaire observou: “Em um país no qual uma longa escravidão fez, por assim dizer, da corrupção uma espécie de hábito, os magistrados, libertos de qualquer espécie de vigilância, podem impunemente ceder às tentações”.

No mesmo sentido, John Luccock, que aqui viveu de 1808 a 1818: “Na realidade, parece ser de regra que no Brasil toda a Justiça seja comprada. Esse sentimento se acha por tal forma arraigado nos costumes e na maneira geral de pensar, que talvez ninguém o considere danoso; por outro lado, protestar contra a prática de semelhante máxima pareceria não somente ridículo, como serviria apenas para provocar a completa ruína do queixoso”.

E Charles Darwin, por ocasião da estada do “Beagle” em nosso país, em 1832: “Não importa o tamanho das acusações que possam existir contra um homem de posses, é seguro que em pouco tempo ele estará livre. Todos aqui podem ser subornados.”

Fotinhos para posters que enfeitarão suas lixeiras



Pra você se indignar cada vez mais, olhando para a cara de superiores desses distintos bandidos de Brasília, a verdadeira ilha da fantasia: http://noticias.uol.com.br/album/110830absolvidos_album.jhtm?abrefoto=18#fotoNav=1
São fotos e fatos dos últimos ladrões do congresso, feito pelo UOL.

isto é o teu país



Na soleira da desmoralização dos Poderes Republicanos, regozijam-se os “mensaleiros” pela caducidade da acusação de formação de quadrilha. Os meliantes arrolados ou não, festejam juntamente com os canalhas ainda no Poder ou fora dele. É a festa do lulopetismo-fisiológico escarnecendo a ética. Na antessala dessa imoralidade, alguns hipócritas ousam abonar a não manifestação do ministro “tardinheiro” da mais alta Corte que deveria ter relatado o caso, evidentemente isto em tempo hábil a não favorecer quem quer que fosse pela prescrição de acusações. Debocham da inteligência alheia, pois Justiça escarrou na moral e na ética da nação. Impunidade são as esporas que estimulam o mais assombroso achaque ao erário público da nossa história republicana; aliás, somente através da impunidade e da Justiça indulgente, é que se comente crime maior ao interesse público do que aquele de dilapidar o erário.



O fisiologismo assalta todos os cantos da gestão pública, num prodigo da sordidez e de um desregramento sem precedentes. Não há instituição que não seja achincalhada em qualquer nível, em qualquer autarquia ou órgão mequetrefe que seja. Acumulam-se denúncias de corrupção, prevaricação, nepotismo, negociatas, enfim toda ordem de crimes. Trata-se da prostituição da vida pública que foi institucionalizada por um ignóbil, porém sapiente na arte de delinquir com altíssima periculosidade. Lesador escrachado da cidadania como forma a subverter valores e fez perdurar no poder seus anseios de ganancia e sordidez moral. Qualquer cidadão brasileiro, instintivamente vê hoje em qualquer autoridade um ente corrupto e aproveitador do cargo que possui; porém a maioria prefere a asna mansidão ao protesto.



É manifesto, e incontroverso o lastimável estado da cidadania atolado na inércia e na mediocridade. Os estudantes, ora ao que se vê, nem mais os jovens em espíritos o são; padecem na lhaneza parva dos vícios que o status quo do mundo que preferem viver lhes impõe. A classe média e trabalhadora abate-se na imbecilidade sindical e na inércia vulgar do consumismo. O futuro está ao sabor dos ventos.
Oswaldo Colombo Filho
O Estado de S.Paulo 29/08/2011

ASSIM SÃO ESSES "ESTRANHOS" "MILICOS"!




E falava-se horrores do Andreazza! Que estaria riquíssimo, que teria ganho de presente das empreiteiras, um edifício na beira da Lagoa Rodrigo de Freitas, que não tinha mais onde guardar dinheiro.


Não sei se Amália Lucy Geisel ainda estará viva. Pouco mais velha do que nós, tinha alguns problemas de saúde. Pois bem: ela era Professora do Colégio Pedro II e, mesmo quando o pai era Presidente, ia de casa ao trabalho de ônibus. Cansei de encontrá-la neles, ela e eu a caminho do centro do Rio.
Meu pai chamava isso de "os três dês do milico": decência, decoro, discrição.



A Morte de Dona Dulce Figueiredo.
Primeiro, morreu o Cel. Mário Andreazza. Quando Ministro dos Transportes, foi responsável pela construção da ponte Rio-Niteroi, obra que teve empréstimo inglês de 2 bilhões de dólares (Sim! Dois bilhões! De dólares!). Por ocasião de sua morte, seus 37 colegas de turma tiveram de fazer uma vaquinha para que o corpo pudesse ser transladado para o Rio Grande do Sul. Portanto, depois de gerenciar tanta verba pública, bem administrada, diga-se de passagem, morreu pobre.J



á em 2003, foi a vez de Dona Lucy Beckman Geisel.
Seus últimos anos de vida, viveu de forma pobre e discreta. Morreu em acidente de carro na lagoa Rodrigo de Freitas.
Ano passado, foi a vez de dona Dulce Figueiredo, que ficou viúva em 1999, do último Presidente militar. Em 2001, devido a problemas financeiros, teve que organizar um leilão para vender objetos pessoais do marido. Foi a forma que encontrou para sobreviver dignamente.



Faça suas comparações com os políticos de hoje e compare o estilo de vida do último Presidente brasileiro, de sua mulher, que frequenta o mais caro cabeleireiro do Brasil, as mais caras butiques, os mais caros cirurgiões plásticos, gastou os mais
altos valores do cartão de crédito, que não precisava prestar contas. Nunca fez um trabalho social pelo Brasil. Só o que fez foi viajar com o marido por todos os lugares do mundo, às expensas do suor dos brasileiros trabalhadores. Seus filhos enriqueceram da noite para o dia.
Isto é que são políticos "populares".

Tire suas conclusões.

Em votação secreta, 357 comparsas decidem que Jaqueline Roriz merece continuar no clube dos cafajestes



A coluna afirmou há 13 dias que a deputada federal Jaqueline Roriz seria absolvida por mais de 400 colegas. Errou por pouco: somados os 265 parlamentares que votaram contra a cassação, os 20 que se abstiveram e os 62 foragidos, a bancada da bandidagem juntou 357 comparsas.

O Conselho de Ética, em votação aberta, aprovou a cassação do mandato da filha de Joaquim. Protegida pelo voto secreto, a maioria delinquente concordou com a explicação oferecida por Jaqueline: quando foi filmada tungando dinheiro público, ela ainda não era integrante do clube dos cafajestes com imunidades parlamentares.

BRASIL- SEM OPOSIÇÃO



A matéria abaixo saiu na imprensa de hoje:O senador Aécio Neves (PSDB-MG) defendeu nesta segunda-feira, 29, um “pacto de governabilidade” da oposição com o Executivo federal para aprofundar a “faxina” em órgãos públicos e aprovar grandes reformas necessárias ao País. Em evento separado, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso também afirmou que é possível uma “convergência”, mas sem “adesão” ao governo petista. Para o presidente nacional do PT, deputado federal Rui Falcão, porém, as propostas são apenas “retórica” porque a oposição à presidente Dilma Rousseff está “sem projeto, sem rumo”.

FHC fala em convergência, sem adesão, o que é perfeitamente natural e corresponde ao que PSDB quer: a faxina que a presidente diz que não é prioridade e as reformas que a mesma sequer coloca em perspectiva.
Aécio fala em “pacto de governabilidade”. Não sei o que quer dizer. Apoiamos uma limpeza no governo e pronto. Apoiamos medidas que impeçam a corrupção na administração pública e pronto. Não há necessidade de nenhum “pacto”, “acordo”, ou algo parecido.
Logo depois o presidente nacional do PT diz que tudo é retórica. A resposta dele é um tapa na cara. Podiamos ir dormir sem essa.

Fonte:
http://blogdogoldman.blogspot.com/


Hoje, a bandidagem do congresso nacional mostrou quem é que manda ao absolverem a deputada Roriz, nem um pingo de vergonha eles tem por isso o voto secreto, se fossem pelo menos homens, teriam feito votação aberta, mas para se esconderam que nem canalhas atrás de voto secreto. Esta ai mais uma demonstração que o povo brasileiro é que nem cordeiro, obediente, parabéns deputados bandidos por mais esta vitória.



CESAR PEREIRA

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

LULA- O ASSALTO AO ESTADO



Claro, sempre houve corrupção (com FHC, com todos), mas era uma prática lateral, ainda dissimulada. A grande "inovação" (essa palavra da moda) de Lula foi apropriar-se (com obsceno oportunismo) de 400 anos de corrupção endêmica e transformá-la em alavanca para governar, mantendo sua fama de "tolerante e democrático".




No seu ideário, feito das migalhas que caíram da mesa leninista, "corrupção" é coisa "menor", é problema de pequeno-burguês udenista. Pensou: "No Brasil, sempre foi assim; logo, o importante é me deixarem curtir o mandato, hoje que eu sento ao lado de rainhas, com o aval de uma "santidade" de esquerda que peguei dos comunas que me guiaram."




Ele se confundia com o Estado. Se ele ia bem, o Brasil também.




Essa foi a "palavra de ordem" para o ataque geral a todos os aparelhos do Estado pelos ladrões. Sua irresponsabilidade narcisista deixou Dilma nesta sinuca histórica: se não fizer nada contra as denúncias insofismáveis, perde poder e prestígio; se fizer, perde também. Quem ganha com isso? Só ele e a coligação dos escrotos interpartidários. Se nossa abobalhada oposição conseguir uma CPI contra o governo Dilma, isso só beneficia o PMDB e aliados da caverna de Ali Babá. Ainda bem que alguns senadores decentes se unem para dar apoio à faxina das donas de casa do Executivo. A opinião pública também dá sinais de reação. Vamos ver. Pelas mãos de Lula, instituíram a chantagem como método político.




Lula inventou a "ingovernabilidade" a que assistimos. Os assaltantes estão com saudade e querem que ele volte para normalizar tudo, como um "Luis Inácio Bonaparte da Silva", como um "caudilho da vaselina". Tudo o beneficia para 2014. Temíamos um "peronismo" sindicalista no País, mas isso não existe. Só existe o PMDB.


ARNALDO JABOUR

LULA, POR JABOUR



Quando Lula chegou ao poder em 2002, havia um "Comitê Central" que o orientava (ou desorientava). Esse grupo de soviéticos desempregados viu, na sua vitória, a chance de mudar o Estado, usando a democracia para torná-la "popular", uma tosca versão remendada de "socialismo". Para isso, era necessário, como eles dizem, "desapropriar" dinheiro de um sistema "burguês" para fins "bons". Essa racionalização adoçava a água na boca dos ladrões na hora do ato, pois o véu ideológico de um remoto "Bem futuro" os absolvia a priori. Nessa fase, Lula foi um coadjuvante - sabia de tudo e nada fazia, para deixar os "cumpanheiro" cumprir sua tarefa. Roberto Jefferson, com sua legítima carteirinha, destruiu a quadrilha que angariava grana para eleger o Dirceu presidente em 2010.




Com sorte, Lula livrou-se da tutela de soviéticos e pôde, no segundo mandato, realizar seus sonhos de grandeza, que acalentava desde que descobriu que ser líder carismático dos metalúrgicos era bem melhor do que trabalhar.




Aí surgiu o novo Lula: uma miniatura, um bibelô perfeito para triunfar na mídia aqui e no Exterior. Ele é portátil, com um nome tão legível e íntimo como "Pelé". Lu-la, como "Lo-li-ta", como Nabokov enrolava a língua para descrevê-la... Lula conta com a absolvição a priori por ser um operário, um "excluído que se incluiu". Lula é um mascote perfeito: baixinho, barbinha "revolucionária", covinhas lindas quando ri, voz grave para impressionar em seriedade, talento para forjar indignação como se fosse vítima de alguma injustiça ou como o próprio povo se defendendo.



Esquemático e simplista, mas legível para o povão sem cultura e para os estrangeiros desinformados, Lula resume em meia dúzia de frases a situação geral do País, que teve a sorte de ser um dos emergentes cobiçados pela especulação internacional. Com a estabilidade herdada do governo anterior e com dinheiro entrando, ele pôde surfar em seus truísmos sem profundidade, como se a verdade morasse na ignorância. Lula não governou para o PT nem para o País; governou para sua imagem narcisista, governou em "fremente lua de mel consigo mesmo", num teatro em que éramos a plateia.



Seu repertório de frases feitas é composto dos detritos de chavões dos seus ex-soviéticos sindicalistas: fome x indigestão, elite e povo, imperialismo americano e Terceiro Mundo que incluía até o Kadafi e outros assassinos.


ARNALDO JABOUR


A corrupção no Brasil é tratada como um desvio da norma, um pecado contra a lei de Deus. Não é. A corrupção no Brasil é hoje um importante instrumento político, quase um partido. Nos últimos anos adquiriu novas feições, virando um "quarto poder". Antigamente, a corrupção era uma exceção; hoje é uma regra. E não se trata mais de um "que horror" ou "que falta de vergonha" - ficou claro que o País está inibido para se modernizar, porque a corrupção desmedida cria "regras de gestão". O atraso no Brasil é um desejo colonial que persiste e dá lucro.


Há um país paralelo de políticos, ONGs fajutas, empresários malandros com leis próprias - o legado de Lula, que transformou uma prática criminosa dissimulada em descarada "normalidade". Essa foi a grande realização de seu governo e se divide em duas fases.



ARNADO JABOUR

a medusa está com tudo!



Na verdade, o Brasil se parece não como um camburão – mas sim um enorme presídio a céu aberto, sob o Governo do Crime Organizado. Um marciano que baixar por aqui neste fim de semana, e der uma lida na revista Veja, verá apenas a confirmação disto. Dentre os vários esquemas paralelos que dominam a gestão pública tupiniquim, destaca-se aquele comandado por José Dirceu de Oliveira e Silva. Sim, aquele mesmo denunciado como o chefe da quadrilha do mensalão – crime, aliás, próximo de prescrever, para alegria geral da petralhada.

A reportagem da Veja, mostrando como e onde Dirceu manda no governo, não saiu de graça. Faz parte de um esquema para unificar os vários poderes paralelos que operam hoje no País. Na verdade, a tal faxina não é promovida pela “Faxineira-Presidenta”. Quem dirige a operação são interesses transnacionais que já identificaram em Dilma Rousseff “uma gerente” mais confiável para tocar os grandes interesses deles por aqui. Por isso, o sombrio Dirceu foi exposto aos holofotes da mídia escandalosa. O mesmo acontecerá, em breve, com Luiz Inácio Lula da Silva.

A ordem globalitária é prestigiar Dilma. A revista Fortune proclamou que ela é a terceira mulher mais influente do mundo. A revista Economist também a colocou em chamada de primeira página, elogiando sua faxina (que na verdade é uma mera arrumação de fachada, limpando do poder apenas inimigos muito indesejáveis). E no próximo dia 20 de setembro, para ampliar a promoção global da Dilma, a Presidenta do Brasil receberá o prestigiado “Prêmio Woodrow Wilson de Serviço Público”. O mesmo que Lula recebeu, em 2009, Woodrow Wilson International Center for Scholars.

Lula já era. O negócio (literalmente) agora é a Dilma. E todos os obstáculos que puderem atrapalhá-la devem ser “removidos”. Esta é a ordem do sistema de controle globalitário. Por isso, os poderes paralelos de Lula, Dirceu, Sarney e outros menos votados correm sério risco de exposição e demolição, para que seja implantada uma nova direção, sob comando da “confiável” Dilma Rousseff. Tudo que acontecerá de agora em diante vai seguir esta linha político-estratégica.

Os tempos serão de terror para a petralhada e seus aliados. Se a autofagia não detoná-los, vão tomar pancada de sistemas de informação e contra-informação muito mais poderosos que eles.

Jorge Serrão

Apesar de toda bandalheira,no mensalão, os líderes socialistas persistem impunes


STF julga mensalão
Ministros do Supremo Tribunal Federal fazem reunião secreta para discutir o escândalo do mensalão. O STF quer decidir, em três sessões, se aceita ou não a denúncia da Procuradoria Geral da República contra 40 suspeitos de envolvimento no mensalão. Em São Paulo o Jornal da Gazeta foi ouvir opiniões de especialistas sobre como pode acabar o processo.
OUTRAS INFORMAÇÕES NO SITE
www.tvgazeta.com.br/jornaldagazeta


COMEÇANDO MEU GRITO FAÇO ECO COM O QUE ESCUTEI DE UMA ENTREVISTA DO JORNALISTA JOSÉ NÊUMANE SOBRE O SEU LIVRO “O QUE EU SEI DE LULA”.


ALGUMAS DE SUAS DECLARAÇÕES SÃO TRANSCRITAS E ABAIXO DISPONÍVEIS PARA
A LEITURA DOS QUE NÃO TEM MEDO DE PERCEBEREM A SORDIDEZ DA REALIDADE DE SUAS ESCOLHAS NAS URNAS EM PENSAR QUE UM GANSTER POSSA PUDESSE TER ALGUMA QUALIDADE MORAL:



“LULA CONSEGUIR REUNIR A ESQUERDA DA LUTA ARMADA COM A PIOR ESCÓRIA DA POLÍTICA BRASILEIRA”.
“PARA LULA A COERÊNCIA É A VIRTUDE DOS IMBECIS”
“ O LULA É UM RETRATO DO CIDADÃO BRASILEIRO: OPORTUNISTA, VAGABUNDO, INIMIGO DA LEITURA E DA EDUCAÇÃO...”
“ O LULA INSTALOU A ACEITAÇÃO DA CORRUPÇÃO COMO UMA COISA LEGÍTIMA”.
“PARA LULA HITLER É UMA DAS DUAS MAIORES PERSONALIDADES DO SÉCULO XX”, isto é o maior assassino do século.

“LULA É FILHO DE UM CANALHA, BÊBADO, AUTORITÁRIO, MACHISTA,E MULHERENGO E ANALFABETO COM UMA SANTA. Que genética irrepreensível!!!
“NO BRASIL É CADA VEZ MAIS UMA CUMPLICIDADE DO ESTADO E O CRIME.”
“O PT É UM PARTIDO QUE ROUBA, QUE OS SEUS CHEFES DEIXAM ROUBAR, MAS NÃO É NOVO ISSO NO BRASIL”.
“HÁ MUITA COISA QUE EU SEI DE LULA QUE EU NÃO CONTEI NO LIVRO E EU NÃO POSSO CONTAR..TERIA GRANDES PROBLEMAS COM A JUSTIÇA E NÃO TERIA COMO PROVAR AS COISAS QUE EU SEI”. Será que precisa?

“TEM ALGUMAS COISAS QUE SÃO IMPUBLICÁVEIS DO PONTO DE VISTA DA MORAL E DOS BONS CONSTUMES”.



INFELIZMENTE NADA QUE O JORNALISTA RELATA NO SEU LIVRO É NOVIDADE PARA A SOCIEDADE. A NOVIDADE É QUE NUNCA NA HISTÓRIA DA CIVILIZAÇÃO OCIDENTAL ALGUMA SOCIEDADE ACOBERTOU DE FORMA TÃO REPUGNANTE OS ATOS SÓRDIDOS DE UM GÂNGSTER QUE SUPERA COM SEUS PAPEIS NO EXERCÍCIO DA POLÍTICA TUDO O QUE SE POSSA QUALIFICAR DE DESVIO DE CONDUTA NO SEU MAIS PROFUNDO SENTIDO.



TUDO QUE O JORNALISTA RELATA ESTÁ ESPALHADO E PUBLICADO EM DIVERSAS FONTES DISPONÍVEIS PARA QUALQUER PESQUISADOR COM O COMPROMISSO COM A VERDADE. NÃO PARA AQUELES HISTORIADORES CALHORDAS QUE FALSIFICAM A HISTÓRIA DO PAÍS PRODUZINDO LIVROS DIDÁTICOS PARA FORMAREM A NOVA GERAÇÃO DOS SAFADOS DO PETISMO.



GERALDO ALMENDRA

sábado, 27 de agosto de 2011

Para o Ministério da Justiça o seu voto continua não valendo nada


Votação em vídeo do ator Fábio Assunção em defesa do desarmamento foi anulada.


Nesta semana o ator Fábio Assunção, cujo vício em cocaína não é segredo para ninguém, gravou um vídeo de apoio à Campanha de Desarmamento promovida pelo Ministério da Justiça, a repercussão negativa foi imediata em menos de 48 horas mais de 700 votos negativos foram dados no vídeo hospedado no Youtube.

Eis que ontem recebemos uma mensagem de um dos nossos colaboradores alertando para o fato de que o vídeo anterior foi tirado do ar e um novo, com pequenas modificações, foi publicado. Com isso a votação voltou ao zero. Uma clara tentativa de burlar, de esconder, de varrer para baixo do tapete mais uma derrota da fracassada Campanha de Desarmamento.

Esse é o espírito do Ministério, que deveria ser, da Justiça. Se não gostam da votação simplesmente a apagam. Foi assim neste vídeo e tem sido assim com o resultado inequívoco do referendo de 2005, onde a maioria absoluta da população disse um enorme “NÃO” ao desarmamento, e mesmo assim há a tentativa de impor ao brasileiro o que os donos do poder acham melhor.

Tinham-se 700 votos negativos no vídeo original, tenho certeza que teremos muito mais neste. Não desistiremos, não vão nos calar, não vamos nos entregar sem luta!
VOTEM NEGATIVAMENTE, REPASSEM PARA AMIGOS E FAMILIARES, FAÇA SUA PARTE, SÃO APENAS ALGUNS MINUTOS! CONTAMOS COM TODOS!!!

CLIQUE NO LINK ABAIXO E DE MAIS UMA VEZ O SEU “NÃO” AO DESARMAMENTO!
http://www.youtube.com/watch?v=AvYZYyxfhws





O QUE NÓS (meia dúzia?) TAMBÉM SABEMOS DE...



Sabemos que é inconfiável.

Sabemos que é imprestável, ou seja, se os outros pedirem, negaremos.

Sabemos que não é maior por falta de espaço.

Sabemos que é um embromador.

Sabemos que o seu hobby é a sacanagem.

Sabemos que é um gozador.

Sabemos que é um quiabo.

Sabemos que é metamórfico.

Sabemos que é camaleônico.

Sabemos que é canastrão.

Sabemos que é um crápula.

Sabemos que adora bolsas.

Sabemos que nada construiu.

Sabemos que é um engenheiro de obras feitas.

Sabemos que gosta de inaugurações e reinaugurações.

Sabemos que delira num palanque.

Sabemos que é um aproveitador.

Sabemos que é um melífluo demagogo.

Sabemos que é um mentiroso boca grande.

Sabemos que é cretino demais para ser verdade.

Sabemos que é um preguiçoso.

Sabemos que é chegado a um copo de ...

Sabemos que é um espaçoso.

Sabemos que é um medroso.

Sabemos que é um pulha.

Sabemos que é um enganador.

Sabemos que é um anistiado, mas não sabemos por quê.

Sabemos que recebe indenização pela lei da Anistia, mas não sabemos por quê.

Sabemos que idolatra as mordomias, e muito.

Sabemos que é grosseiro.

Sabemos que é maroto.

Sabemos que adora o poder, demais.

Sabemos que ele se ama de paixão, e muito.

Sabemos que adora sacanear, os milicos.

Sabemos que gosta de manipular os outros.

Sabemos que venera Fidel.

Sabemos que tem receio do Chávez.

Sabemos que gostaria de ser rei ou ditador.

Sabemos que perdeu uma parte (muito importante) do corpo e foi aposentado.

Sabemos que é um espertalhão.

Sabemos que vive de repartir... o que é dos outros.

Sabemos que deixou uma boa herança maldita.

Sabemos que deu emprego para milhões de brasileiros, os filiados e os afilhados.

Sabemos que promoveu as dicotomias sociais.

Sabemos que gosta de viajar, principalmente para o exterior.

Sabemos que inventou a Lei da Impunidade.

Sabemos que sacaneou os aposentados.

Sabemos que não gosta de ler, mesmo quando ditos importantes.

Sabemos que nunca entra em fria, quando em perigo, seu lema é, não sei, não ouvi, não estava.

Sabemos que gosta de italianos, em especial terroristas.

Sabemos que transformou a hipocrisia numa virtude e a dignidade num ato falho.

Sabemos que é expert em relações internacionais.

Sabemos que gosta de aparecer, e muito.

Sabemos que sem ele nem estaríamos aqui, nem respirando, nem pensando, nem indo ao banheiro, nem comendo, nem ...

Sabemos que é decidido, e decidiu bagunçar com São Paulo.

Sabemos que é um fora de série. Após juntar tanta cretinice num corpo só, Deus de raiva jogou a forma fora.

O que não sabemos é se merecemos o “dadivoso”.

Brasília, DF, 27 de agosto de 2011.

Gen. Bda Rfm Valmir Fonseca Azevedo Pereira




__._,_.___

IRÃO CENSURAR A BÍBLIA?




Quero ver como irão obrigar as editoras retirarem as mensagens homofóbicas contidas nas bíblias. E são muitas.



Sempre achei que as liberdades de expressões fosse uma rua com duas mãos e não de mão única.



Mensagens em outdoor evangélico criticado por gays são retiradas



Outdoor de uma igreja evangélica de Ribeirão Preto vem gerando críticas do movimento gay local



MINISTRA LEVOU R$ 145 MIL REAIS DE ITAIPU PARA SER CANDIDATA! LEI: QUEM QUER SAIR NÃO TEM INDENIZAÇÃO!


AS TRÊS GRAÇAS DO PLANALTO

(Estado de SP, 25) Ministra pediu para deixar diretoria em 2006 para disputar Senado, mas foi exonerada e, com isso, recebeu multa e FGTS. Ao conseguir ser "demitida" de um cargo público, a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, recebeu pelo menos R$ 145 mil. Em 29 de março de 2006, ela foi "exonerada" do cargo da diretoria financeira de Itaipu Binacional. Só que a ministra saiu da função na época porque quis: ela saiu candidata ao Senado naquele ano, mas não foi eleita. Por meio de um acordo com o comando de Itaipu, Gleisi trocou a "exoneração a pedido", o que de fato ocorreu, pela "exoneração", ou seja, demissão. Com isso, recebeu, além de férias proporcionais, entre outros, os 40% de indenização sobre o saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), além de poder sacar o próprio FGTS.
25/08/2011

Pra entender o estresse de ontem de José Dirceu






REINALDO AZEVEDO

A reportagem de capa da revista VEJA revela que membros do primeiro escalão do governo, dirigentes de estatais e parlamentares - INCLUSIVE UM DA OPOSIÇÃO - se ajoelham aos pés do cassado, a quem ainda chamam de “ministro” e prestam reverências. É isto mesmo: o deputado defenestrado, o homem processado pelo STF e acusado de ser chefe de quadrilha é tratado por figurões de Brasília como um chefão — o Poderoso Chefão.




Dirceu está bravo porque a reportagem é devastadora para a reputação da República e deveria ser também para ele e para aqueles que fazem a genuflexão. Vamos ver. Uma coisa é certa: a presidente Dilma sabe de tudo; tem plena consciência de que seu governo é assombrado e monitorado — às vezes com tinturas claras de conspiração — por um ficha-suja.


A reportagem de Daniel Pereira e Gustavo Ribeiro está entre as mais importantes e contundentes publicadas nos últimos anos pela imprensa brasileira. Ela desvenda o modo de funcionamento de uma parte importante do PT e os métodos a que essa gente recorre. E traz detalhes saborosos: podemos ver as imagens das “autoridades” que vão até o “gabinete” de Dirceu, montado no Naoum, um hotel de luxo de Brasília, onde se produz, nesse caso, o lixo moral da República. VEJA conseguiu penetrar no cafofo do Muammar Kadafi da institucionalidade brasileira.

A anta Mor - é incrível!!!.....



Me desculpem os PTistas, mas esta não dá para segurar, tem que repassar...

Lula, o nosso "comandante", fez uma declaração "histórica", esta semana, na posse de diretores do Sebrae:

"Temos que reconhecer que a situação é delicada, e que essa crise é, possivelmente, maior que a crise de 1929. E temos que reconhecer que o Roosevelt só conseguiu resolver a crise de 29 por causa da II Guerra Mundial. Como não queremos guerra, queremos paz, nós vamos ter que ter mais ousadia, mais sinceridade, mais inteligência, porque... eu não admito que, uma guerra, para resolver um problema econômico, tenha 6 milhões de mortos".


comentário


1. segunda Guerra Mundial não teve absolutamente nada a ver com a crise americana de 1929;


2. A segunda Guerra Mundial foi motivada pelas condições impostas à Alemanha pelos vencedores da Primeira Guerra Mundial, que durou de 1914 a 1918



3. A segunda Guerra Mundial encerrou com 52 milhões de mortos, quase dez vezes mais que o número que o boçal falou;


4. Seis milhões foram as vitimas do Holocausto, patrocinado pelos nazistas.O dito cujo confundiu tudo o que a Assessoria dele informou (tenha paciência, não queira que ele decore tudo que lhe passam).






5. Em 1929, o mundo não tinha e nem imaginava o que seria uma economia globalizada;


6. Franklin D Roosevelt resolveu a crise americana diminuindo custos e impostos, e reduziu drasticamente as despesas do governo, exatamente o contrário do que a antológica anta e seus ministros estão fazendo;


7. Pela declaração imbecil, Sua Excia Metalurgíssima, Sr. Luis Inácio Lula da Silva, imagina que a crise só será extinta por meio de uma guerra mundial, mas ele, "o grande pacifista e magnânimo líder" não admitirá uma guerra mundial para que a crise seja solucionada;


E esse é o cara que atingiu 84% de popularidade...








SEGUNDA PARTE- PEDRO PORFÍRIO



Vi jovens barbaramente envelhecidos pela balada altissonante do "salve-se quem puder", o "daqui pra frente é com cada um" ou, no máximo, com o círculo de prediletos, como se o diploma conferido fosse a munição para a mais terrível das guerras, a sôfrega competição profissional nas pegadas dos exemplos herdados da esperteza como única via da sobrevivência, do acesso ao conforto e ao prazer.

Enquanto isso, a mídia capta e exacerba todas as torpezas, fazendo delas elementos tão preponderantes no comportamento humano que nelas se inspira no vôo cego de um cotidiano destituído de todos os valores restantes, no confronto explícito com os pulverizados pigmentos das virtudes em extinção.


Não causa surpresa que ninguém se sinta obrigado hoje em dia a reagir às barbaridades perpetradas pelos senhores do ágio e das armas, hipertrofiando a própria torpeza, num super dimensionamento da ambição voraz.

É certo alguém chegar em sua casa para determinar como deve ser sua relação com o clã? É tolerável alguém jogar seus filhos, uns contra os outros, para imobilizar a todos e se apoderar de suas posses?

Será que ninguém tem mais olhos para ver assaltos tão grotescos como os que países decadentes, endividados, em crises sistêmicas, enrolados em suas próprias pernas, promovem na maior sem-cerimônia para se apoderar das riquezas finitas de outros povos?

Você vê isso à luz do dia e não se sente nem um pouco atingido? Você quer o que, que chegue a nossa vez? Essa modernidade mal grada está nos impingindo o silencioso suicídio nacional em d oses homeopáticas, está nos bestializando, nos acostumando ao convívio indolor com o massacre dos mais fracos, na configuração psicanalítica de uma apatia crônica, na qual nos servem brotos de papoulas imobilizantes encapados em papel celofane com as cores lustrosas da ilusão ótica minúscula e temporária.

Esse espetáculo da mais trágica alienação não poupa ninguém. Minha geração se repete na ladainha de um fracasso mensurado pela descontinuidade do sonho. Mas pode ser que aqueles rueiros dos anos sessenta tenham blefado e agora, lépidos e fagueiros, se desdizem no leme dos podres poderes.



Ou, como se pode constatar, você não percebeu até que nossa vez já chegou, na intervenção sibilina e camuflada que varou a imensidão do território desguarnecido em pomposas mistificações em nome da demarcação de territórios gigantescos convertidos em flancos para a mais sofisticada pirataria alienígena?



Curioso: aqui quem quiser ver massa nas ruas só lhe resta contemplar os milhões das paradas gays e dos desfiles pentecostais.
Fora disso, meia dúzia de gatos pingados tenta chamar atenção para algumas tragédias pontuais que já não sensibilizam o povaréu. Por que a maioria já renunciou ao direito ao conhecimento, às obrigações do Estado com sua saúde e ao respeito devido à dignidade de todos.


Tal é o traste da alma humana que até a solidariedade se profissionalizou em organizações especializadas na terceirização do pensamento, da ação, da insatisfação social e dos deveres oficiais. Aqui, nesta terra invadida por Pedro Cabral, está cada vez mais difícil falar em dignidade e autoestima, eis que de migalha em migalha a massa enche o papo.
Diante desse quadro de cores pálidas veio-me uma despropositada indagação, que faço a você, envolto na mais pungente perplexidade: será que somos mortos vivos, almas penadas, corações sangrados, mentes entorpecidas e inebriadas?
Será?


COMENTÁRIO


ESSE É O MÉTODO DO BOLCHEVISMO MAFIOSO PERADO NO BRASIL ASSIMILADO PELA DOUTRINA GRAMSCISTA, RECONFIGURADO EM RELATIVISMO PURO QU SE RESUME : "EXISTE A MINHA VERDADE E A TUA VERDADE, MAS NÃO A VERDADE"


LEMBRAR :




Quem luta pelo comunismo tem de poder lutar e não lutar; dizer a verdade e não dizer a verdade; manter a palavra e não cumprir a palavra, etc., etc., etc". Bertolt Brecht (Eugen Berthold Friedrich Brecht 1898-1956) a seus camaradas em Die Massnahme.





''O fim pode justificar os meios enquanto houver algo que justifique o fim''; é moral tudo o que serve à revolução .É imoral o que a prejudica.Leon Trotski (Lev Davidóvitch Bronstein - 1879-1940).



Buenas, e o objetivo dessa degradação (a) (i) moral e criminosa? Ora, se locupletar, ou seja, apropriar-se ilicitamente dos meios de produção e riquezas do Paí­s, em benefí­cio da nomenklatura
.

Permita-me a indagação insólita: será que estamos mortos e não percebemos?


PEDRO PORFÍRIO



Que país é esse? Que mundo é esse? O que se passa na cabeça de cada ser humano, seja daqui, seja dacolá? Onde estão os indignados de todas as gerações, de todos os recantos? Nada lhes ofende, lhes mareja os olhos, lhes desperta a cólera e lhes motiva o protesto diante de tanta ignomínia? A tormenta que desce sobre as africanas terras líbias não é de sua conta?


Noites insones e dias tensos nada explicam: antes, para o meu desespero frenético não oferecem a menor chance de uma réstia de luz que enseje uma resposta, que sinalize o sintoma dessa letargia.


Meus Deus! O que estou fazendo dia nte de um computador ligado ao vazio de pessoas e de idéias, de cara para a inércia mais atormentadora, convertida numa contemplação pusilânime de um ritual movido a indignidades, abusos, violências, transgressões, usurpações, mentiras e hipocrisias?


Serei eu um débil mental que ainda não teve a lucidez de se olhar no espelho? Que mira pela fresta errada e não vislumbra um óbvio pútrido? Por que uma agressão criminosa a um país, agora esfacelado e desconstruído, toca a tão poucos e cada vez mais raros? Por que meio mundo se deixa entorpecer pela semântica de encomenda, pela desfaçatez do panfleto midiático enganador?

Incrível, penso em lamentos quase lacrimosos: ag ora que o mundo se tornou tão pequeno pela interação instantânea internáutica não seria o caso de uma mais cálida compreensão entre os seres humanos? Ou esse mundo que ficou pequeno tem o despudor de um brinquedo obsceno, uma abstração, de um exercício compensatório de ilusões forjadas?


Vi um patrono de uma turma de Direito declarar que nossa geração fracassou. No mesmo diapasão ele também se referia ao subproduto mais degenerado desse fracasso: a erupção de um individualismo desalmado nas gerações de agora, embaladas pelo metálico do som ensurdecedor ou pelo medíocre do funk que aportou entre nós como cavalo de tróia de uma gangrena mental.
COMENTÁRIO
TEU LAMENTO INCONTIDO REVELA O QUE ESTÃO OPERANDO NO BRASIL,
DESCARADAMENTE,PELA APLICAÇÃO DO PRINCÍPIO DE CORRUPÇÃO SISTEMICA INSITUÍDO PELOS PROFETAS FUNDADORES DO  TOTALITARISMO COMUNISTA
RIVADAVIA

quinta-feira, 25 de agosto de 2011





Rocardo SettiA Grécia luta para sair do buraco, e descobre fraudes na Previdência que lembram um certo país…



O governo do primeiro-ministro Giorgos Papandreu, na Grécia, vem lutando com todas as armas possíveis para tirar o país do buraco financeiro e fazer frente às condições da União Europeia, do Banco Central Europeu e do FMI para os dois gigantescos resgates sucessivos que recebeu — de 110 bilhões de euros e, posteriormente, outros 115 bilhões.

Papandreu, que precisa obter 50 bilhões de euros em privatizações — o governo grego possui até cassinos — acaba de aceitar 400 milhões de euros da gigante alemã de telecomunicações em troca de 10% das ações da OTE, a estatal grega da área. Além disso, o governo grego anunciou ter detectado uma gigantesca fraude na previdência pela qual 5.400 famílias de funcionários já falecidos estavam dando um jeito de receber suas aposentadorias.

Neste último caso, parece um país que conhecemos, não?

COMO AGE A PERVERSA MIDIA COMUNISTA



Sem dúvida. A mentira repetida é a soma de mentira ou falsidades múltiplas e pode erigir-se à verdade (pseuda), sobretudo em nosso mundão midiático.


Os sofistas se movimentam no terreno das aparências dos fenômenos.


Essa técnica - velha como 'rascunho da Bíblia' foi denominada por ARISTÓTELES de sofística - sabedoria (sapientia) aparente, mas não real (El. Soph., 1, 165 a 21), e que passou a indicar a habilidade de aduzir argumentos capciosos e enganosos.

O autor do artigo Os assaltantes da consciência argumenta muito bem com o apoio do mestres na manipulação das massas e até de JOSÉ ORTEGA Y GASSET para concluir cínica e perversamente:
São esses mesmos instrumentos manipuladores que construíram o Partido Republicano americano e hoje incitam seus membros a impedir a taxação dos ricos para resolver o problema do endividamento do país, trazido pelas guerras, e a exigir os cortes nos gastos sociais, como os da
saúde e da educação. Essa mesma manipulação produziu Quisling, o traidor norueguês a serviço de Hitler durante a guerra, e agora partejou o matador de Oslo.


A refutação desta perversa falácia não pode nem deve cessar. É conhecido o viés esquerdista do autor e todos sabemos que a doutrinação com o objetivo de doutrinar as massas é promovido pelas esquerdas a partir da (de) formação escolar.


O Partido Republicano e o Tea Party nos EUA opõem-se justamente ao avanço do Estado sobre as liberdades individuais e pelo que se sabe não há notícia de doutrinação no sentido de dominação das massas ou de violência política.
Quem procura degradar as instituições e a sociedade são justamente os adeptos do socialismo, vulgarmente conhecido como comunismo, apresentado sob as mais diversas variantes.


O fato é que durante todo o século passado o mundo assistiu estupidificado o experimento em que os devotos do materialismo (dialético, histórico) - doutrina oficial da ideologia conhecida como comunismo acreditavam na bela idéia abstrata de emancipar/salvar a humanidade enquanto concretamente censuravam, prendiam, torturavam, matavam milhões de pessoas reais dessa mesma humanidade. O ABSOLUTO do abstrato fascinava, mas o concreto - o ser humano - era odiado. Basta observar que eles ainda continuam adorando o democida (asssassino dos cidadãos de seu próprio país) Fidel Castro, Chávez Frías, o terrorista e seqüestrador Manuel Marulanda, vulgo Tirofijo, o sanguinário Ernesto Che Guevara, além é claro de Lênin, Stalin, Mao.

Porém, é Donoso Cortés quem adverte:

Os séculos dos argumentadores são os séculos dos sofistas e os séculos dos sofistas são os séculos das grandes decadências. Por trás dos sofistas surgem sempre os bárbaros, enviados por Deus, para cortar com a espada o fio do argumento.(Juan Francisco María de la Salud Donoso Cortés), Marquês de Valdegamas, filósofo 1809-1853.

Afinal há o que se denomina demência das massas é caracterizado por delírios populares e a loucura das multidões em que indivíduos habitualmente sensatos e inteligentes se convertem em massa de idiotas quando atuam coletivamente, identificada pelo escocês CHARLES MACKAY em 1841, que trabalhava no periódico londrino The Morning Chronical. No Brasil tivemos no início do século passado a revolta das vacinas no Rio de Janeiro.


RIVADAVIA ROSA

Tribunal confirma condenação de caluniador de Yeda, o ex-diretor do Detran, Sérgio Buchmann





Este é o método petista
Saiu nesta quinta-feira a confirmação da condenação do ex-diretor Geral do Detran do RS, Sérgio Buchmann, na ação indenizatória por danos morais (calúnia e difamação) que lhe moveu a ex-governadora Yeda Crusius. Yeda já tinha vencido o primeiro round no juizo singular, o réu apelou e os tres desembargadores da 6a. Câmera Civel do Tribunal de Justiça confirmaram a sentença por 2 x 1.

. O advogado de Yeda foi o dr. Fábio Medina Osório. O voto decisivo foi do desembargador Túlio Martins.

. O ex-diretor Geral do Detran prestou um depoimento mentiroso à Polícia Federal, todo ele baseado em conversas inexistentes com o secretário Adjunto da Administração, Genilton Ribeiro. Ele foi levado às escondidas aos policiais pelo promotor Ricardo Harbstrich. O depoimento foi integralmente vazado para a midia, que imediatamente publicou o material.

. A repercussão pública das revelações mentirosas do diretor Sérgio Buchmann deram a senha e forneceram elemento estruturante para a rumorosa entrevista de seis procuradores do Ministério Público Federal, a interposição de temerária ação de improbidade administrativa e da CPI contra o governo Yeda. O depoimento não foi checado. A ação e os demais eventos foran acionados em cima de depoimentos falsos.

. Foi tudo construído em cima das mentiras contadas na Polícia Federal por Sérgio Buchmann.

. Ao aderir ao Eixo do Mal, o ex-diretor Geral do Detran incorreu em crime e foi agora condenado a pagar pelas calúnias. Ele terá que depositar R$ 50 mil na conta de Yeda Crusius e se retratar publicamente.



Quando perguntaram ao marechal do Reich (Reichsmarschall) GOERING (Hermann Wilhelm Goring - 1893-1946) como o Partido Nacional Socialista Alemão dos Trabalhadores (Nationalsozialistische Deutsche Arbeiterpartei NSDAP) conhecido como Partido Nazista ou Partido Nazi havia conseguido transformar o povo mais culto do mundo num rebanho de cordeiros, respondeu: Os convencemos de que o grande povo germânico estava ameaçado de morte pelos bolcheviques, socialistas, judeus, ingleses e outros inimigos.

As democracias denominadas populares, inclusive as noví­ssimas bolivarianas nos perí­odos repressivos que são permanentes invocam perigos mais ou menos reais; montam campanhas de medo, tais como perigos de invasão, guerra (conspiração da CIA, do Departamento de Estado norte americano), que em escala industrial fabricam o medo. Há sempre um inimigo: interno e/ou externo à espreita .
Assim os governantes incapazes de resolver os problemas sociais com racionalidade e participação efetivamente democrática, adotam a polí­tica públicade governar e assustar



No rincão latino americano produziu-se uma cepa democrática gestada no Foro de São Paulo, a partir da matriz Ilha Cárcere em que governos eleitos legitimamente, buscam consolidar o poder e, logo a seguir mediante reformas constitucionais procuram se manter no poder a qualquer custo.


Essa cepa com DNA del siglo XXI, faz de tudo para degradar o sistema democrático o que pode conduzir a uma democracia sem democratas, sobretudo quando os cidadãos desiludidos, sentem-se divorciados da democracia, votam sem se considerar representado, embora a curto prazo os cidadãos possam criticar, manifestar-se, reunir-se, protestar, porém o instrumento democrático por excelência é o VOTO; se na hora de exercer o sufrágio eleitoral os cidadãos reagem visceralmente, ou por razões de curto prazo, que as opções são limitadas, que nossas emoções foram manipuladas, nossos lamentos posteriores só servem para passar o tempo enquanto aprendemos sempre a nossa custa, a converter-nos em democratas de nossa própria democracia.

O povo da flamante República Bolivariana de Venezuela que o diga.

RIVADAVIA ROSA

Os russos não deveriam lamentar o fim da União Soviética, pois o colapso do Estado comunista os libertou de uma ideologia falsa e opressora, afirma o chefe da redação russa da Deutsche Welle, Ingo Mannteufel.




O comunismo é uma ideologia sociopolítica criminosa que operou como um acidente histórico para interromper a marcha da sociedade rumo ao progresso e do ponto de vista histórico momentaneamente anulou a lei geral de evolução da sociedade.


O comunismo não pode ser reformado porque tenta alterar a natureza humana em sua concepção utópica. A utopia da igualidade, da justiça social ... é sedutora, porém não tem aplicação prática. Não se pode safisfazer, a partir do Estado, a demanda de todos e não se pode construir a sociedade ideal. E nesse desiderato insensato tenta promovê-la pela força e violência.


Segundo aponta DAVID HUME (1711-1776): a natureza humana é imutável, se queremos mudar os comportamentos devemos mudar as circunstâncias. Se a natureza fosse pródiga e os homens generosos a justiça não teria razão de ser e Jung (Carl Gustav Jung - 1875-1961) arremata:quanto mais se submeteu o homem a normas coletivas, tanto mais aumentou sua imoralidade individual.


Atualmente a ameaça real é com relação aos novos tiranos, déspotas e ditadores que infestam a América Latina ainda inspirados em ideologias neo-regressivas totalitárias que na contra mão da história se tornaram extremamente perigosos em nossa época porque aprimoraram as técnicas assistencialistas, demagógicas e populistas para tomar e se manter no poder indefinidamente mediante a dominação/manipulação das massas.

RIVADAVIA ROSA

MASQUICOISA



Só no Brasil ministro voa de carona e não sabe quem é o dono da aeronave. Conte outra lorota, sr. Paulo Bernardo"

PRIVATIZAÇÕES



O PT rendeu-se à filosofia do PSDB e inicia sua era de privatizações - "a tal herança maldita" de FHC que o demagogo Lula repudiava. E agora festivamente privatiza o primeiro dos três aeroportos prometidos, o de Natal. Não dá para aplaudir. É triste que Lula e sua trupe reacionária, por puro capricho e esperteza desprezível, tenham estagnado por oito anos obras de infraestrutura, incluindo aeroportos, dos mais ineficientes do mundo. É bom frisar que Dilma compactuava com essa retrógrada decisão. O lado bom é que nas próximas eleições o discurso do PT será esvaziado. Porque nem obras do PAC iniciadas em 2007, que andam a passo de tartaruga, se concluem. Assim, espero que finalmente o PSDB deixe de se apequenar, como agiram Alckmin e Serra nos pleitos de 2006 e 2010, pois não tiveram coragem de defender as privatizações, que foram um dos maiores avanços de modernidade e produtividade em setores estratégicos no País.

PAULO PANOSSIAN

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

ESTE É O PT



O Senador Humberto Costa (PT/PE), na tribuna do senado, fala no combate à corrupção, mas não assina CPI da Corrupção e ainda chama de Histrionicos (palhaços) àqueles que a defendem



E DILMA SUSPENDE A FAXINA PARA NÃO "DESAGRADAR" OS COMPANHEIROS LADRÕES

A FAXINEIRA SUMIU E A CASA CONTINUA SUJA


Apertem os cintos, a faxineira sumiu, para não causar constrangimentos à base aliada. Como perguntava Drummond: e agora, José?

Carlos Newton

Acredite, se quiser. O Palácio do Planalto comunicou aos partidos aliados ao governo que a presidente Dilma Rousseff só mexerá novamente na sua equipe se eles pedirem, numa tentativa de conter a insatisfação crescente da base governista com as mudanças no ministério, segundio reportagem de Natuza Nery e Maria Clara Cabral, publicada na Folha desta quarta-feira.

Após perder quatro ministros em oito meses de governo, a base aliada conseguiu salvar outros dois ministros que entraram na linha de tiro nos últimos dias por conta de irregularidades: Pedro Novais, indicado por José Sarney para o Turismo, e Mário Negromonte, indicado pelo PP para a Ministério das Cidades.

Todos Juntos Contra a Corrupção" é o nome do movimento que foi lançado por internautas e que tomará a Cinelândia


Agendada para às vésperas do início da estação das flores e da quarta edição do megaevento internacional "Rock in Rio", "Todos Juntos Contra a Corrupção" é o nome do movimento que foi lançado por internautas e que tomará a Cinelândia, palco de históricas manifestações no Rio de Janeiro, no dia 20 de setembro de 2011, a partir das 18 horas. Assim como acontece nos países do Oriente Médio e da Europa, a primavera brasileira contra a corrupção, a organização do evento teve início nas redes sociais e deve levar milhares de pessoas ao protesto que tem como objetivo precípuo dizer um sonoro "Basta!" a praga que se tornou a roubalheira na esfera política brasileira.
"Todos Juntos Contra a Corrupção" foi idealizado pelos internautas Cristine Maza, Chester Martins e José Luiz Fonseca, que fazem questão de avisar: "trata-se de um movimento apartidário". A única motivação é mobilizar a sociedade, em protesto, contra o descalabro corrupto em que se transformaram as administrações públicas no Brasil. Por duas décadas, não se via uma cruzada popular, com essa provável magnitude, ganhar as ruas contra a politicagem canalhesca que impera no país.

Plinio Sgarbi
__._,_.___

Negromonte sob fogo amigo: Imagine se começar a vazar o currículo de alguns deputados, Ou melhor, folha corrida....



Um dia depois de ser advertido de que, se insistisse em se meter na disputa interna do PP , seu partido, poderia perder o cargo, o ministro das Cidades, Mário Negromonte, partiu para o ataque e alertou a legenda das consequências do racha na bancada: - Em briga de família, irmão mata irmão, e morre todo mundo. Por isso que eu disse que isso vai virar sangue. Acusado de oferecer mesada de R$ 30 mil para os deputados do PP , ele diz que está disposto a ir até a CPI e desafia qualquer deputado do partido a formalizar a acusação contra ele.

Em 27 de agosto de 2011, prescreve o crime de formação de quadrilha dos integrantes do MENSALÃO.





Um clamor desesperado para um país surdo e mudo.
Se os brasileiros e brasileiras - brava gente - acham que assim está bom, então assim está bom.




ESTAMOS NO MÊS EM QUE A FALÊNCIA DEFINITIVA DA

JUSTIÇA BRASILEIRA SERÁ COMEMORADA COM A PRESCRIÇÃO

DOS CRIMES DA GANGUE DOS 40 E DE SEU CHEFE QUE DEIXOU

UMA HERANÇA DE CORRUPÇÃO ESPALHADA NO PODER PÚBLICO.



O MAIOR GANGSTER DA POLÍTICA NO PAÍS ASSIM COMO SEUS

COMANDADOS ESTARÃO DEFINITIVAMENTE LIVRES, LEVES E SOLTOS

DE ACUSAÇÕES PELOS SEUS CRIMES DE CORRUPÇÃO, SUBORNO E DE LESA-PÁTRIA.



O RESPONSÁVEL POR ESSE ABSURDO SERÁ O STF UM TRIBUNAL

QUE DEVERIA ESTAR ACIMA DOS INTERESSES DO SUBMUNDO DA POLÍTICA PROSTITUÍDA E DO PROJETO DE PODER ESPÚRIO DO PT.



SERÁ MAIS UM “PRÊMIO” PARA ESSA SOCIEDADE COVARDE, OMISSA OU CORRUPTA EM QUE VIVEMOS QUE ESTÁ SATISFEITA COM O FATO DO

BRASIL TER SIDO TRANSFORMADO EM UM PARAÍSO DE PATIFES GOVERNADO POR COVIS DE BANDIDOS CONTROLADOS POR OLIGARQUIAS E BURGUESIAS

DE LADRÕES.



PROVAVELMENTE MUITAS COMEMORAÇÕES IRÃO ACONTECER REUNINDO

TODOS OS CANALHAS E SEUS CÚMPLICES QUE SÃO OS MAIORES RESPONSÁVEIS POR CENTENAS DE MORTES TODOS OS MESES PELO FATO

DO ESTADO ESTAR RICO PARA OS BENEFICIÁRIOS DO SUBORNO COM O DINHEIRO PÚBLICO E MUITO POBRE PARA CUMPRIR COM SUAS OBRIGAÇÕES NA SEGURANÇA PÚBLICA, NA EDUCAÇÃO, NA SAÚDE E NO SANEAMENTO BÁSICO.



PARABÉNS POVO BRASILEIRO!



O NOSSO COMPORTAMENTO IDIOTA E IMBECIL QUASE COLETIVO

É QUE MANTÉM ESSA CORJA DE PATIFES DA POLÍTICA FICANDO

CADA VEZ MAIS RICOS ENQUANTO, POR EXEMPLO, OS APOSENTADOS

ELEITORES DESSES FDP NÃO PODEM RECEBER AUMENTO REAL DE SALÁRIO

ENQUANTO UM PARLAMENTAR CUSTA PARA OS COFRES PÚBLICOS QUASE DUZENTOS MIL REAIS POR MÊS E A CORRUPÇÃO BILIONÁRIA GRASSA SEM

CONTROLE NAS RELAÇÕES PÚBLICO-PRIVADAS.



COMO DIZ AQUELA DESQUALIFICADA: RELAXEM E GOZEM!!!!



GERALDO

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Triste e lamentável




Por que as autoridades brasileiras não compareceram ao enterro da Dra Patrícia?
- Será que as autoridades são coniventes com o crime ?

- Será que com tanta grana que rola do tráfico de drogas a polícia também participa do movimento ?

- Se assim for, por que botar policiais na prisão, se eles, "nas horas vagas", trabalham para os verdadeiros chefões do crime ?

Será que tá tudo dominado ???



Tem algo de muito podre no judiciário brasileiro.

A morte da Juíza Patrícia Acioli não comoveu ninguém de Toga neste Brasil.

Da Presidenta aqui do Bananão, ao ministro da justiça.
Os magistrados que chefiam os tribunais do Hell de Janeiro, o governador Sergio Cabral, os membros do STJ, ministros do STF.
Alguma comissão de direitos humanos da câmara, ou da assembléia do estado, a OAB.


NINGUÉM COMPARECEU ao enterro da juíza.
Nem um pio da Maria do Rosário e nem do Grande Estadista...Nada!!!


Ela foi morta por cumprir seu papel na justiça e ninguém no estado brasileiro foi se solidarizar com a família da juíza.

Atitudes como essas é que mostram o quanto o Brasil está vazio e sucateado de gente com decência e moral para representar o povo

Brasil líder na censura da web.



Sim é verdade, o Brasil lidera o ranking de censura na web. Contabilizadas as requisições de dados, os EUA lideram o ranking com cerca de 4 300 pedidos dessa natureza. Mas quando o assunto são os pedidos para remover o conteúdo da rede, o Brasil apresentou, entre janeiro e junho desse ano, 398 solicitações; mais de três vezes mais o total dos EUA, com 128.


brasil
263 pedidos de remoção
76% dos pedidos de remoção total ou parcialmente cumprida
12.363 itens solicitados para ser removido
1.804 solicitações de dados
76% das solicitações de dados total ou parcialmente cumprida

No experimento comunista-socialista - sempre prevalece o cinismo e o desrespeito a todos os valores e princípios. E estamos vivendo esse novo tempo.



O que diz um grande dramaturgo comunista:

Quem luta pelo comunismo tem de poder lutar e não lutar; dizer a verdade e não dizer a verdade; manter a palavra e não cumprir a palavra, etc., etc., etc". Bertolt Brecht a seus camaradas em Die Massnahme



O fundador do totalitarismo comunista e guru dessa facção – é bem claro:

“É moral tudo o que serve para destruir a velha sociedade exploradora para unir todos os trabalhadores em torno ao proletariado que está criando uma nova sociedade comunista.” Wladmir Illich Ulianov Lênin (1870-1924), Colected Works (1923), XVI, p. 142-145; e completa com ‘proficiência:“O melhor é corromper! O melhor é corromper!”. Lênin


Outro guru da facção:

''O fim pode justificar os meios enquanto houver algo que justifique o fim''. Leon Trotsky



Portanto, esperar uma conduta ajustada aos princípios e valores da civilização ocidental – dessa facção inspirada no marxismo-leninismo-trotskismo-maoísmo-castrismo – é pura ilusão (ou utopia como eles pregam).



rivadavia rosa
"



Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, agüentando pauladas, sacos de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz de sacudir as moscas; um povo em catalepsia ambulante, não se lembrando nem donde vem, nem onde está, nem para onde vai; um povo, enfim, que eu adoro, porque sofre e é bom, e guarda ainda na noite da sua inconsciência como que um lampejo misterioso da alma nacional, reflexo de astro em silêncio escuro de lagoa morta.

Uma burguesia, cívica e politicamente corrupta até a medula, não descriminando já o bem do mal, sem palavras, sem vergonha, sem caráter, havendo homens que, honrados na vida íntima, descambam na vida pública em pantomineiros e sevandijas, capazes de toda a veniaga e toda a infâmia, da mentira a falsificação, da violência ao roubo, donde provem que na política portuguesa sucedam, entre a indiferença geral, escândalos monstruosos, absolutamente inverossímeis no Limoeiro.

Um poder legislativo, esfregão de cozinha do executivo; este criado de quarto do moderador; e este, finalmente, tornado absoluto pela abdicação unânime do País.

A justiça ao arbítrio da Política, torcendo-lhe a vara ao ponto de fazer dela saca-rolhas.

Dois partidos [.] sem idéias, sem planos, sem convicções, incapazes, vivendo ambos do mesmo utilitarismo céptico e pervertido, análogos nas palavras, idênticos nos atos, iguais um ao outro como duas metades do mesmo zero, e não se malgando e fundindo, apesar disso, pela razão que alguém deu no parlamento, de não caberem todos duma vez na mesma sala de jantar".

Guerra Junqueiro, Abílio