sábado, 30 de junho de 2012

Servidores federais ameaçam com greve geral; 56 das 59 universidades e 36 dos 38 institutos federais estão parados





Por Marta Salomon e Lisandra Paraguassu, no Estadão:
A insatisfação dos servidores públicos com a intransigência da presidente Dilma Rousseff em conceder reajustes salariais, diante do cenário de crise econômica internacional, aumentou o risco de o governo enfrentar uma greve geral do funcionalismo. O último movimento grevista importante no Brasil ocorreu ainda no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em reunião encerrada ontem à noite, servidores das dez agências reguladoras declararam-se em estado de greve a partir de segunda-feira. A maioria das categorias já paradas ou com indicativo de greve quer correção dos salários em 2013.
Personagem das mobilizações, o secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), Josemilton Costa, avalia que cerca de 300 mil servidores já cruzaram os braços. A greve, segundo ele, pode alcançar 500 mil servidores. “A construção é a greve geral”, adiantou. A Condsef é filiada à Central Única dos Trabalhadores (CUT) — braço sindical do PT, que apoia a greve geral do funcionalismo.

“O governo não consegue apresentar uma contraproposta, só faz protelar a discussão”, criticou o diretor da CUT Pedro Arnengol. As categorias têm reivindicações diferentes, mas a maioria quer reajuste de 22% dos salários. Os servidores têm ouvido que o governo terá uma resposta até 31 de agosto, prazo final para o envio ao Congresso da proposta de lei orçamentária de 2013.

COMISSÃO DA VERDADE - O TRIBUNAL DA KGB DO B





Numa guerra inocentes morrem ou são feridos. De ambos os lados há atrocidades que não se justificam.
Na Comissão da "Verdade" instituída pela esquerda do Congresso (imensa maioria), há material farto dos crimes cometidos por um só lado...a dos militares.
... Na verdade, para cada crime de tortura praticado por um grupo de militares, centenas de crimes hediondos eram praticados pelos pretensos golpistas comunistas. Mas isto é irrelevante, não pode ser matéria de investigação.
Esta "Comissão" convidaria a Presidente Dilma Rousseff para dar esclarecimentos sobre as centenas de assaltos a bancos, sequestros, assassinatos covardes, somente pelo seu grupo terrorista VAR PALMARES? Claro que não.

Esta "Comissão" é parcial e ideológica, cuja única intenção é punir seus antigos inimigos.

Sabe o que essa "Comissão" lembra?

OS TRIBUNAIS DA ANTIGA KGB.
paulo peixoto


PENSÕES E BENEFÍCIOS


....................



..........






A despeito das especulações, o governo já tem no prelo a nova reforma previdenciária, ao qual a coluna teve acesso. A maior mudança é a implementação da carência para recebimento de pensões nos casos de morte. Só haverá benefício para órfãos e cônjuges com contribuição mínima de dois anos. O mesmo período – dois anos de união estável comprovada – será determinado para o direito a pensão no casamento. Será extinta a pensão vitalícia para as(os) viúvas(os) jovens, para cônjuge com idade inferior a 40.

A contaEm 2011, o valor das pensões bateu R$ 61,6 bilhões. A reforma, se concretizada, vai gerar economia de R$ 1,8 trilhão ao Tesouro até 2050, diz o estudo.

Subindo“Em percentual do PIB, a despesa com pensões da Previdência cresceu de 1,1%, em 1995, para cerca de 1,5% do PIB em 2011”, alerta o documento.
Só aquiPensões por morte já respondem por 27,4% do estoque de benefícios da Previdência. O Brasil é o único país onde não há carência de tempo de contribuição para os casos.
Leia mais aqui



Não cuidam bem do nosso dinheiro. ROUBAM!
PS - Um inválido igual a Lula da Silva, jamais deve receber pensão. Generalizar nunca. É necessário ter moral para mexer em aposentadorias. Governos que roubam e distribuem dinheiro para países aliados na bandidagem, não tem esse direito de mexer no mais sagrado benefício. Quanto dinheiro foi e é distribuído para os " beiçolas aliados da AL? Até assaltos aconteceram com o dinheiro roubado da Petrobrás pelo índio de araque
.
Veja aqui



E a "adorada" CUBA dos irmãos assassinos? Quanto dinheiro enviado, né? Lógico que nunca haverá dinheiro, mesmo que, a contribuição seja uma das mais altas do mundo. Não se trata só de falta de dinheiro para pagar aposentadorias, está tudo quebrado e empobrecido. Nossa saúde, educação, segurança e muita fome e miséria. O Brasil está se tornando um grande barraco. Falta competência e muita inteligência para reformar até o banheiro do aeroporto. Nunca mais teremos grandes homens que fizeram Brasília....

MOV ORDEM VIGÍLIA CONTRA CORRUPÇÃO BLOG

Rodrigo Constantino-Contas sujas


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou ontem nova regra liberando a candidatura dos “contas-sujas”. A mudança se deu no julgamento de um recurso apresentado pelo PT. O ministro Dias Toffoli, o mais próximo ao partido, desempatou a votação. É o partido de Lula ajudando a sujar a democracia brasileira, seu “esporte” preferido.
Mas como nem tudo é notícia ruim, o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães decidiu renunciar ao cargo de alto representante-geral do Mercosul. Ele alegou falta de apoio político para tal decisão. Se for isso mesmo, trata-se de um ótimo sinal. Afinal de contas, Pinheiro Guimarães é o grande ideólogo “bolivariano” infiltrado no bloco, representando o “chavismo” no lado brasileiro.

A postura do Itamaraty na questão paraguaia foi vergonhosa, e espera-se que os interesses da nação fiquem acima dos interesses ideológicos da turma alinhada ao Chávez. O Barão do Rio Branco, ao assumir em 1902 o ministério das Relações Exteriores, declarou: "Não venho servir a um partido político: venho servir ao Brasil, que todos desejam ver unido íntegro, forte e respeitado". Que falta faz um Barão do Rio Branco na diplomacia brasileira!
De volta às notícias ruins, o “Obamacare” foi considerado constitucional ontem pela Suprema Corte. O governo poderá obrigar o cidadão a comprar seguro de saúde. Isso foi aprovado porque os juízes encararam tal seguro como um imposto. Logo, trata-se de uma vitória de Pirro para Obama. Ele consegue manter sua reforma no setor de saúde, mas somente evidenciando que o seguro representa um novo imposto para a classe média, algo que o presidente negava veementemente.

Foi Thomas Sowell quem resumiu de forma brilhante a mentalidade esquerdista no caso: “É incrível como algumas pessoas acham que nós não podemos pagar médicos, hospitais e medicamentos, mas pensam que nós podemos pagar por médicos, hospitais, medicamentos e toda a burocracia governamental para administrar isso”. Se a saúde já é cara, espere até ela ficar “gratuita”!
Para fechar esta rodada de notícias de sexta-feira, nada como comparar FHC e Lula. FHC disse que vota em Serra, mas não faz campanha. Ele argumentou que pedir votos é um papel “indevido” a um ex-mandatário. E ainda alfinetou Lula: “Eu não sei morder canela. Não acho que seja apropriado ao ser humano”. Já Lula foi multado por fazer campanha antecipada para Fernando Haddad. Que abismo que separa a postura de FHC da de Lula!

CRIA VERGONHA, DILMA






O Brasil critica os Estados Unidos pelas sanções a Cuba e ao Irã mas quer fazer o mesmo no Paraguai porque caiu um cara podre dazisquerda. CRIA VERGONHA, DILMA


............




Deputados terão mais R$ 150 mi para pagar salários de assessores


Divulgado com o termo genérico de "pagamento de pessoal ativo da União", decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff neste mês concede R$ 150 milhões para aumento da verba de gabinete dos 513 deputados federais.
A oficialização do reajuste ainda depende de um ato da Mesa da Câmara e pode ocorrer antes do recesso parlamentar, cujo início está previsto para o próximo dia 18 de julho.
Nos bastidores, a expectativa é a de que o aumento seja de R$ 15 mil para cada deputado, que conta hoje com uma verba de R$ 60 mil. Esses recursos servem para a contratação de, no máximo, 25 assessores, chamados de "secretários parlamentares".
Além de serem contratados sem concurso, esses assessores podem atuar em Brasília ou nos redutos eleitorais dos congressistas. Os salários deles variam de R$ 664 a R$ 6,2 mil, além de receberem auxílio-alimentação de R$ 741.

Recado aos socialistas de araque


clique na gravura paar ampliá-la



Cristina, venda seu rolex de diamantes, estimado em 42.000 dólares e doe para

os pobres e oprimidos que a sra tanto FINGE defender


...........

MAIS ROUBO! MAIS SAFADEZA!



Acordar e ler os jornais torna-se um perigo dos maiores para a saúde de qualquer brasileiro. Pode ter um infarto, um derrame ou  partir para o suicídio.
Sábado, que, para muitos é dia de descanso, pegar no jornal é ter raiva, pois o nosso dinheiro foi roubado em algum lugar


O Jornal DIÁRIO DO NORDESTE (09.06.2012) traz a seguinte manchete: “BNB: INDÍCIOS DE IRREGULARIDADES EM 24 OPERAÇÕES”. Vem o retrato do presidente do Banco e sua declaração, afirmando que os roubos
são pontuais, tendo em vista o número de operações realizadas pelo BANCO.
Só que estes ROUBOS PONTUAIS ATINGEM AO MONTANTE DE 100 MILHÕES DE REAIS.Notas frias, laranjas, funcionários envolvidos e ninguém preso. Numa nota
explicativa do repórter - FIQUE POR DENTRO - vamos tomar conhecimento que
há 10 PETISTAS envolvidos.
Vamos aguardar o desenrolar. Será igual aos outros roubos.



Vão dizer que aconteceu por copiar o que os outros fizeram. Estão lembrados
dos dólares na cueca? Até hoje ninguém sabe de nada e tudo “no melhor dos
mundos” como dizia o Dr. Plagloss, de Voltaire. O deputado que parecia
envolvido foi absolvido pela JUSTIÇA e ninguém sabe de quem são os dólares
e reais. Vieram do céu.


Página do mesmo jornal tem o roubo da “SANTA UNE”. Receberam do
governo 30 milhões para construção da sede e nem um tijolo foi comprado.
Título no jornal: “TCU investiga convênios da UNE com o governo”. Já falam
em “irregularidades graves”. Gastaram o dinheiro com “cerveja, vinho,
cachaça, uísque, vodca, celular e outros consumos”. Os defensores “da
democracia do roubo” e que fizeram baderna na frente do CLUBE MILITAR
apresentaram notas frias ao Ministério da Saúde.


O procurador MARSICO afirma que os dados sugerem “possíveis
atentados aos princípios da moralidade, da legalidade, da legitimidade e
economicidade”. Diz ainda o procurador: “é lamentável, especialmente, pela
história de lutas dessas entidades”. Que lutas? Lutaram para implantarem
uma ditadura tipo CUBA etc.
O GRUPO GUARARAPES PERGUNTA:

1 - QUAIS AS RAZÕES POR QUE ESTA ENTIDADE NUNCA FOI À RUA GRITAR CONTRA O MENSALÃO, OS DÓLARES NA CUECA, DINHEIRO EM MALA, OS CRIMES DO CACHOEIRA,ETC... ETC?

2 -ONDE ESTÁ O DINHEIRO PARA CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO?

3 -ESTARÃO GRITANDO NO DIA DO JULGAMENTO DO MENSALÃO EM 2 DE AGOSTO?

PUBLICADO NO JORNAL EL PAÍS (ESPANHA)
(que vergonha)

“Que país é este que junta milhões numa marcha gay, outros milhões numa
marcha evangélica, muitas centenas numa marcha a favor da maconha, mas que
não se mobiliza contra a corrupção?” (07/08/2011 Juan Arias, correspondente
no Brasil do jornal espanhol El País)
COMO VOCÊ SE SENTE COMO
BRASILEIRO E ESTUDANTE
LENDO ESTA PUBLICAÇÃO?

ESTAMOS VIVOS! GRUPO GUARARAPES! PERSONALIDADE JURÍDICA sob reg. Nº12 58
93. Cartório do 1º Registro de Títulos e Documentos, em Fortaleza. Somos
1.807 civis – 49 da Marinha - 478 do Exército – 51 da Aeronáutica; TOTAL
2.385 30 –jun -2011

GRUPO GUARARAPES

Delta doa para a presidenta Dilma R$ 1.150.000,00





Delta doa para a presidenta Dilma R$ 1.150.000,00 OBSERVADOR POLÍTICO
Por
Leandro Braga, em 04/05/2012 às 02:07, 2 comentários.
Como você reagiria se soubesse que aquele que mais combate a corrupção (?) recebesse R$ 1.150.000,00, isso mesmo, hum milhão e cento e cinquenta mil reais foi o que a presidenta Dilma recebeu da Construtora Delta.

Eu não sei o que vocês acham, porém, me parece um saco sem fundo essa investigação sobre a Delta Construtora, era (sic) muitas ligações que essa empresa tinha com politicos, e não era (sic) qualquer “politicos” , eram nada mais nada menos do que aqueles que estão no mandato, isso parece surreal, mas é pura verdade, assessor, vereador, deputado, senador, governador e agora até a presidenta recebeu doação da empresa investigada pela policia federal e pelo Ministério Público.
A desculpa deverá ser uma daquelas que acostumamos a assistir em finais de tele-novelas, a população brasileira mais uma vez será embriagada por algum tipo de entorpecente futebolístico ou carnavalesco, ou sei lá, talvez toda a midía será tomada pelas Olímpiadas em Londres, bom, temos que ficar de olhos bem abertos e não aceitarmos que o nosso sufrágio, a tanto tempo disputado por várias correntes governamentais e filosóficas, venha se tornar um ato perdido, jogado na lama, por aqueles que estão no poder.

Abaixo o link da ong As Claras – Transparência Brasil, indicando que nossa presidenta recebeu uma doação da Delta Construtora no valor de R$ 1.150.000,00 na eleição de 2010. http://www.asclaras.org.br/doador.php?inicio=1&doador=53563
Faça a sua análise.

O Estado de São Paulo-Fórum dos Leitores





CÓDIGO PENAL




Li a proposta do novo código penal. Só para começar, quem maltratar um cachorrinho, vai preso. Mas, para abortar um bebê, todas as facilidades estão postas. Pelo código, os animaizinhos estão muito acima de um ser humano. Um pequeno traficante que alicie nossos filhos poderá ouvir uma preleção sobre os malefícios das drogas e prestar serviços a comunidade, como punição. Para ser considerado traficante, só mesmo andando com mais de uma tonelada de maconha no carro, pois, do contrário, pode ser um usuário inofensivo. Por fim, movimentos que tenham "causa social” poderão incendiar, invadir e depredar a propriedade alheia. É asqueroso, e consegue ir contra a vontade da esmagadora maioria da população brasileira. Certamente, os grandes juristas encarregados da reforma consideram os brasileiros muito tacanhos e pouco progressistas e assim resolveram que sua opinião nem tem que ser considerada. É do arco da velha!




Maria Cristina Rocha Azevedo

BRASIL - O PAÍS DO DEBOCHE....


.....................


..............



....................

sexta-feira, 29 de junho de 2012

FRASE DE GETÚLIO VARGAS


Dias antes do suicídio que o fez entrar para a História, Getúlio Vargas teve uma conversa com seu ministro da Viação, José Américo de Almeida:

– Impossível governar este País. Os homens de verdadeiro espírito público vão escasseando cada vez mais – desabafou Getúlio.

– E o que é que o senhor acha dos homens de seu governo? – perguntou José Américo.
O ex-ditador observou, desolado:

– A metade não é capaz de nada e a outra metade é capaz de tudo.
--

POR FAVOR, PETRALHAS, NÃO INSISTAM...


CLIQUE NA GRAVURA PAR AMPLIÁ-LA



Por favor, petralhas, não insistam...



Em tempo, colo a resposta do amigo Rivadavia - sobre o impeachment de LUGO


Realmente, o distinto jornalista não é 'comunista', mas reza pela cartilha. Afinal, ninguém é ‘comunista’. Todos são “democratas”. O fato é que a defesa intransigente do vigário - se dá a partir dos “democratas cubanos” que estão no poder há mais de meio século, cujo general-presidente-ditador Raúl Castro, diz peremptoriamente que não admite presidente que não seja “legítimo”.


O que está havendo e, descaradamente é intromissão indevida na política interna paraguaia, sem o mínimo pejo e pudor. E, todos como ventríloguos são alegremente inspirados pela Ilha Cárcere.A pérola do jornalista diante das provas públicas e notórias:
“Como é que Lugo – ou qualquer outra pessoa – poderia provar o contrário do que não precisa ser provado? Impossível, certo?
Com essa ‘inteligência’, os maiores criminosos no momento em que se tornam públicas suas atividades ilícitas seriam inocentes, pois não “poderia provar o contrário” ...(sem nenhuma intenção subliminar com nossa realidade sociopolítica criminosa).


Agora, confira como operou o “golpe”:
A partir de dispositivo constitucional que permite que todos os funcionários do governo sejam submetidos a juízo político a Câmara dos deputados formulou a acusação que foi aprovada por 76 a favor e 1 contra (maioria de 2/3), a seguir, concedido o direito de defesa que mesmo com curto espaço de tempo foi exercido por advogado constituído pelo então presidente, o Senado aprovou a destituição por 39 votos a favor, com 4 contra e 2 ausências.
Isso constituiu um atentado contra a democracia ou um golpe de Estado como pretende os governantes da Unasul e Mercosul que em represália afastaram liminarmente o Paraguai desses blocos para aprovar o ingresso da “República Bolivariana da Venezuela?
O então presidente Fernando Lugo aceitou o veredicto, assim como seu advogado.
Porém, recebeu uma comitiva comandada pelo nosso chanceler Antonio Patriota e, então devidamente turbinado passou a reagir, estimulando a violência dos ‘movimentos sociais’ daquele e, como dizem os irmãos muçulmanos, a espalhar corrupção no Paraguai.
Realmente há mais vigários do que se imagina, digo, mais papistas do que o próprio Papa.

IMPEACHMENT DO EX-PADRE TARADO FOI LEGÍTIMO E CONSTITUCIONAL



O impeachment do ex-padre garanhão Fernando Lugo seguiu à risca o que diz a lei do país, que pune com destituição o governante que revelar mau desempenho das funções (Artigo 255 da Constituição). Lugo perdeu o cargo após um choque violento entre sem-terra e policiais, nos quais 17 pessoas morreram, e que demonstrou a total incapacidade do governo de manter a ordem. A associação de Lugo com os sem-terra paraguaios, os quais, assim como seus congêneres além-fronteira, costumam invadir e depredar propriedades de brasileiros (os chamados "brasiguaios"), é tão notória quanto seu instinto reprodutor. Na lista de acusações contra ele, está a de usar um quartel do Exército para fazer um comício dos sem-terra. Está claro que ele extrapolou suas funções.


Assim como aconteceu em Honduras, a legalidade foi respeitada. Nenhum tanque saiu às ruas, nenhum jornal foi colocado sob censura, ninguém foi preso, os direitos fundamentais da pessoa humana estão plenamente em vigor, as instituições democráticas funcionam normalmente. Golpe? Que golpe?

Fala-se em "rito sumário", e que Lugo não teria tido o direito de defesa respeitado etc. Bobagem. Lugo foi destituído por ampla maioria nas duas casas do Congresso. O mesmo aconteceu no Brasil em 1992 com Fernando Collor de Mello. Foi golpe?

É claro que toda essa gritaria dos cumpinchas de Lugo, como Cristina Kirchner, Evo Morales e Hugo Chávez, não tem nada a ver com defesa da legalidade, tal como ocorreu no caso de Honduras. Muito pelo contrário. O que essa patota teme é que o que aconteceu no Paraguai se repita em casa. Kirchner está em plena cruzada para calar a imprensa argentina. Morales está enrolado em acusações de todo tipo de abuso de poder. Nem falo em Chavez, porque aí já seria covardia. Acusam outros de golpistas enquanto preparam o golpe contra a democracia em seus próprios países. E são esses mesmos “democratas” que agora falam em “golpe” no Paraguai!

E ainda há quem pense que decisões como a do Itamaraty, de condenar o “golpe” em Assunção, não seriam ideológicas, mas “pragmáticas”. Ainda que fosse, a mentira permanece. Fico pensando: se em vez de Lugo, o deposto fosse um presidente "de direita", algum desses personagens acima estaria dizendo que houve golpe? Alguém estaria falando em "rito sumário" e em “cerceamento do direito de defesa"? Será que o Mercosul, que tem uma cláusula democrática mas abriga em suas fileiras até a Venezuela, suspenderia o país? E Dilma Rousseff, sera que ela se negaria a apertar a mão do novo presidente empossado constitucionalmente? "Pragmatismo", é? Sei...


O mais curioso é que o governo brasileiro, seguindo as pegadas dos companheiros bolivarianos, derrete-se em rapapés por ditaduras como a dos Castro em Cuba, que já dura 53 anos sem dar o menor sinal de que vai acabar um dia, mas fala de “golpe” e “quebra da democracia” no Paraguai. Silencia vergonhosamente diante da falta de liberdade e da existência de presos políticos na ilha-prisão, mas remexe na cadeira diante da destituição legal de um presidente por mau desempenho de suas funções... O que dizer disso? Desfaçatez é pouco.


Se a queda de Lugo foi golpe, então o impeachment de Collor em 92 também foi. Lugo caiu porque assim determina a lei do país, quer queiram ou não os chávez, kirchners e dilmas da vida. Assim como em Honduras, estes apostaram no pior, esperando que milhares saíssem às ruas em defesa do reprodutor de batina, provocando assim, quem sabe, um banho de sangue. E, assim como em Honduras, foram barrados pela legalidade. Se houve golpe, foi um legítimo golpe paraguaio.

Postado por
Gustavo

BLOG DO CONTRA


__._,_.___

CLASSIFICADOS DO PLANALTO





Perdeu-se Vergonha da Cara. Gratifica-se quem sumir definitivamente com ela.

Tratar no Congresso com qualquer parlamentar.


Procura-se Partido Virgem para breve relacionamento de estupro.
Tratar com qualquer um nos escombros do PT.


Vendo Forno de Pizza usado. Bom preço. Cabem 2 deputados e 1 senador por fornada.
Tratar com os Anões do Orçamento.


Precisa-se de Arqueólogo para pesquisa sobre criacionismo.
Currículos para a ONG evangélica “Vovó Não Comia Banana”.


Vendo manual de gramática sem uso.


Tratar em São Bernardo. Falar com Luivináfio.


Compro Senadores, Deputados, Governadores, Juízes, etc..
Tratar no Presídio da Papuda. Falar com Cachoeira.





Por Ricardo Froes


Forma de raciocínio dos petistas






I

Deus é amor.
O amor é cego.
Stevie Wonder é cego.
Logo, Steve Wonder é Deus.


II
Disseram-me que eu sou ninguém.
Ninguém é perfeito.
Logo, eu sou perfeito.
Mas só Deus é perfeito.
Portanto, eu sou Deus.
Se Stevie Wonder é Deus, eu sou Stevie Wonder.
Meu Deus, eu sou cego!


III
Imagine um pedaço de queijo suíço, daqueles bem cheios de buracos.
Quanto mais queijo, mais buracos.
Cada buraco ocupa o lugar em que haveria queijo.
Assim, quanto mais buracos, menos queijo.
Quanto mais queijos mais buracos, e quanto mais buracos, menos queijo.
Logo, quanto mais queijo, menos queijo.


IV
Hoje em dia, os trabalhadores não têm tempo para nada.
Já os vagabundos têm todo o tempo do mundo.
Tempo é dinheiro.
Logo, os vagabundos têm mais dinheiro do que os trabalhadores


RICARDO FROES



Aqui, tudo é permitido


Ah, esses "doutores da lei", sempre tão doutos e conhecedores do futuro da humanidade, tentando iluminar nossos dias, nos levar ao paraíso terreno.

Os "doutores da lei" brasileiros se reuniram e sugeriram um
novo código penal para o país, onde i) as mulheres disporão de seus corpos e de corpos de outros, podendo matar os fetos a seu dispor, bastando conseguir um psicólogo que aprove a matança; ii) há liberação das drogas para o consumo; iii) há liberação da eutanásia, bastanto que um juiz diga sim à morte, e; iv) liberação do terrorismo, desde que seja movido por "motivações sociais". Sem falar em considerar o gay, um ser humano superior, qualquer agressão ao gay pode ser considerada inafiançável.

O jornalista
Reinaldo Azevedo mostrou detalhes da proposta "iluminada" dos juristas. No texto dele, faltou apenas a crítica à liberação da eutanásia, que dependerá apenas de um aval do juiz.

Para mim, os juristas brasileiros me lembraram da serpente do paraíso (Gênesis 3: 1-4), dizendo para Eva: "Então Deus disse: Vós não podeis comer de todas as árvores do jardim? Não, não morrereis, se comer deste fruto"
Isto é, eles estão dizendo que Deus não existe, não há proibição contra a morte de pessoas, os homens podem matar fetos e pessoas que considerem incapazes. Este negócio de homossexualismo é apenas mais um tipo de pessoa, e as "motivações sociais" devem ser livres da lei, podem destruir e matar. Façam o que vocês quiserem. Foi o homem que criou Deus e não o contrário.

O que nós brasileiros faremos dessa sugestões?
thyselfolord blog


À respeito de canelas e cães

 
 
 
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso ironizou nesta quinta seu sucessor Luiz Inácio Lula da Silva afirmando que morder canelas não é "apropriado" a seres humanos. Ao declarar seu engajamento na campanha do ex-ministro Fernando Haddad pela prefeitura de São Paulo, Lula declarou que vai "morder a canela dos adversários" para que o petista seja eleito. "Eu não sei morder canela. Não acho apropriado para um ser humano", disparou FHC, sorrindo, após palestra em Belo Horizonte para empresários do setor de construção.

Além de não "morder canelas", Fernando Henrique disse que não vai se envolver diretamente na campanha do PSDB pela prefeitura paulistana, mas ressaltou que o partido deve fazer uma avaliação cuidadosa da viabilidade de uma chapa puro sangue, encabeçada pelo ex-governador José Serra com o ex-secretário de Cultura Andrea Matarazzo como vice. FHC salientou que a questão da campanha "não é só ganhar" porque há o "problema político" de conseguir apoio na Câmara municipal para conseguir aprovar projetos de interesse do Executivo. "Acho o Andrea uma excelente pessoa. Foi excelente secretário e tem todas as virtudes. Mas o problema é político. Dá para governar depois?", indagou.





Pela reforma política




Enquanto essa tal "Democracia Brasileira" permitir que partidos sejam fundados de forma "cartorial", com o único propósito de serem desavergonhadamente usados como "instrumentos de barganhas", a "bagaça" será sempre a mesma.

Enquanto não for feita uma “Reforma Política”, continuaremos “enxugando gelo”...

Estou errado?



Júlio Ferreira

quinta-feira, 28 de junho de 2012

ALGUÉM SABERIA ME EXPLICAR?


.....................


..........................

Motivos para decretar o Impeachment de Dilma Rousseff:



--Ingerência ( se meter em assuntos internos de outros paises )

--Trafico de influentes terroristas ( tentar limpar a história com a falsa comissão da verdade e aceitar terrorista em nosso pais [elemento Batisti] )

--Atos de terrorismo e sequestro de avião (a lei da anistia não "anistia" esses crimes)

-- Improbidade administrativa ( doação de dinheiro para Cuba, sabendo-se que a fome e obras a acabar em nosso pais, doação de dinheiro para empresas privadas )

e se pesquisar mais ainda se encontra mais podres....

ACORDA BRASIL !!!

7 PMS covardemente assassinados..Cade a canalha que defende os tais direitos humanos?




Nas últimas duas semanas o PCC vem implantando o terror no município de São Paulo. O Governo já vem sofrendo críticas.
Seria um ato isolado do PCC?
Pra quem sabe do que é capaz um petralha indignado em não poder por as mãos no terceiro maior Orçamento do país...




Comentário
Esses acontecimentos vem se repetindo em época de eleições em São Paulo. Começou em 2006, lembram? Lembram também que foi captado muma ligação telefonica, onde um dos bandidos do PCC dizia que era pra acertar os caras do PSDB ou coisa assim?
Pois é. O governador e o prefeito da Vidade tem que vir a público e denunciar lembrando que essa anarquia vem se repetindo em época de eleições.
O povo precisa saber a verdade.
Outra coisa: Serve também como matéria na campanha eleitoraL contra o PT em todo estado.
Sueli

E AGORA?



Assista ao vídeo e veja o que os homossexuais querem, com apoio dos deputados e senadores, levar para as nossas escolas sob o pretexto de combater a homofobia e a discriminação. Eles querem de volta o kit gay que o Ministério da Educação tentou impor no ensino fundamental.


http://youtu.be/Vbk3jmGPxxY

O governo Dilma parece velho, sem iniciativa. Parodiando o poeta: todo dia ele faz tudo sempre igual. E saber que nem completou metade do mandato. Pobre Brasil.



MARCO ANTONIO VILLA

O governo Dilma Rousseff completa 18 meses. Acumulou fracassos e mais fracassos. O papel de gerente eficiente foi um blefe. Maior, só o de faxineira, imagem usada para combater o que chamou de malfeitos. Na história da República, não houve governo que, em um ano e meio, tenha sido obrigado a demitir tantos ministros por graves acusações de corrupção.

Como era esperado, a presidente não consegue ser a dirigente política do seu próprio governo. Quando tenta, acaba sempre se dando mal. É dependente visceralmente do seu criador. Está satisfeita com este papel. E resignada. Sabe dos seus limites. O presidente oculto vai apontando o rumo e ela segue obediente. Quando não sabe o que fazer, corre para São Bernardo do Campo. A antiga Detroit brasileira virou a Meca do petismo. Nunca tivemos um ex-presidente que tenha de forma tão cristalina interferido no governo do seu sucessor. Lembra o que no México foi chamado de Maximato (1928-1934), quando Plutarco Elias Calles foi o homem forte durante anos, sem que tenha exercido diretamente a presidência. Lá acabou numa ruptura. Em 1935 Lázaro Cárdenas se afastou do "Chefe Máximo" da Revolução. Aqui, nada indica que isso possa ocorrer. Pelo contrário, pode ser que em 2014 o criador queira retomar diretamente as rédeas do poder e mande para casa a criatura.

Na política externa, se é verdade que Patriota não tem os arroubos juvenis de Amorim, o que é muito positivo, os dez anos de consulado petista transformaram a Casa de Rio Branco em uma espécie de UNE da terceira idade. A política externa está em descompasso com as necessidades de um país que pretende ter papel relevante na cena internacional. O Itamaraty transformou-se em um ministério marcado por derrotas. A última foi na Rio+20, quando, até por ser a sede do evento, deveria exercer não só um papel de protagonista, como também de articulador. A nossa diplomacia perdeu a capacidade de construir consensos. Assimilou o "estilo bolivariano", da retórica panfletária e vazia, e, algumas vezes, se tornou até caudatária dos caudilhos, como agora na crise paraguaia.

O GARANHÃO LUGO



(*) Fotomontagem: O garanhão Lugo e 3 das mães de seus filhos

MAGU

Esquerdistas são sempre os mesmos. Aliás, essa é uma das certezas do Universo. Sempre podemos ter certeza que farão. A aplicação do princípio de Dois pesos, duas medidas. Desceram o cacete no Paraguai pelo pouco tempo de defesa para o bispo priápico.

Aliás, como todo bom político, ele prometeu, para ser eleito, uma pá de coisas que sabia que não poderia cumprir. Deu no que deu. Aí convocam reuniões dos deuses sul-americanos para julgar o processo democrático que por lá correu, não esquecendo que correu de acordo com a constituição deles. Falaram um monte, e em seguida, aplicam o mesmo aspecto que condenaram. Fazem as reuniões não convidando o País para apresentar sua defesa. Não é o tu da toba? Um amigo me mandou uma estrofe, muito real e bonitinha:

A vida é filha da puta;/ puta, é filha da vida…/ Nunca vi tanto filho da puta,/ Na puta da minha vida!
Bem, agora só resta ao Lugo algo que sempre recomendo: Ele que vá se queixar com a mãe do bispo…

DILMA- A IGNORANTA




Giulio Sanmartini


A “doutora presidenta”, vem se atrapalhando com a “última flor do lácio” (*). Umas vezes por infantil prepotência e outras pela mais crassa ignorância.

Como paradigma de sua prepotência, pode ser citada sua teimosia em ser chamada de presidenta, a ponto de exigir que o Diário Oficial da União adota-se esse triste neologismo nos atos que provenham de seu gabinete.Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a ação que expressa um verbo, há que se adicionar à raiz verbal os sufixos ante, ente ou inte.

Portanto, à pessoa que preside é PRESIDENTE, e não ‘presidenta’ , independentemente do sexo que tenha.
Se diz capela ardente, e não capela ‘ardenta’ ; se diz a estudante, e não ‘estudanta’; se diz a adolescente, e não ‘adolescenta’; se diz a paciente, e não ‘pacienta’.


Um bom exemplo pelas regras do novo português requeridas pela ‘presidenta’ seria: ‘A candidata a presidenta se comporta como uma adolescenta pouco pacienta que imagina ter virado eleganta para tentar ser nomeada representanta. Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela
ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizantas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta.
Assim ela pareceria mais inteligenta e menos jumenta”.

Ideologia de gênero – Origem, significado e Perigo






A ideologia de gênero é uma ideologia feminista. Uma ideologia radical que se fosse imposta destruiria o ser humano em seu núcleo mais íntimo e simultaneamente acabaria com a sociedade. Sua pretensão é a de abarcar todos os aspectos da vida pessoal e social.

É uma nova antropologia que pretende criar um novo ser humano. Poucos são os que compreendem a origem, o significado e o perigo de tal ideologia. O perigo do jogo de palavras, que não é inocente, faz parte de um engenhoso plano tático de infiltração ideológica.
Não devemos falar de gênero quando nos referimos a pessoas, mas simplesmente de sexo. Gênero é um conceito ideológico que tenta anular as diferenças e aptidões naturais de cada sexo.
Esta ideologia exige como pressuposto duas negações: 1) não existe natureza humana e 2) os aspectos biológicos do sexo não podem condicionar o ser humano. A população se divide em homens e mulheres, não em homossexuais e heterossexuais. Esta última classificação é perigosa, pois tende a colocar no mesmo nível uma anormalidade (a homossexualidade) e a normalidade sexual, como se tudo fosse mera questão de legítima opção. Portanto, apenas através do gênero um novo ser humano poderia ser “construído”, diferente daquele que habitou este planeta até o momento, ainda que mantenham os corpos de mulher e de homem. Essa nova pessoa, por sua vez, é a que “construiria” uma nova sociedade, onde homens e mulheres dividiriam a vida pública e a vida privada em partes idênticas (de acordo com a versão moderada) ou os homens seriam submissos às mulheres (conforme a vertente radical do feminismo).

Devo confessar ao leitor que não sou “heterossexual”. Sou apenas homem, sem nenhum acréscimo.

(Jorge Scala)
O erro fundamental da ideologia de gênero é a negação da natureza humana em matéria sexual. Não há, segundo tais ideólogos, um homem natural nem uma mulher natural. Masculinidade e feminilidade são meras construções sociais, que podem (ou devem) ser desconstruídas. O casamento entre um só homem e uma só mulher (heterossexualidade obrigatória) é visto não como a união natural entre dois seres complementares e fecundos, mas como mera convenção da sociedade. A família é uma instituição a ser abolida e passa a designar qualquer aglomerado de pessoas (no futuro, também animais?), com qualquer tipo de comportamento sexual (incluindo pedofilia?), orientado ou não à procriação. A vida passa a ser o produto do encontro casual de um macho e uma fêmea da espécie humana. A promoção do aborto, portanto, é coerente com a defesa da desestruturação da família e faz parte da agenda de gênero.

Conseqüências antropológicas:

a. Se o homem e a mulher são idênticos, não podem ser distinguidos, fora das diferenças biológicas. Toda forma de relação entre eles tem, então, idêntico valor antropológico.

b. Não mais haverá homem ou mulher, seríamos todos – na mesma medida – sexualmente polimorfos (sujeito a mudar de forma, que se apresenta sob diversas formas).

c. Todos os modos de relações sexuais teriam igual valor antropológico e social. Ninguém poderia afirmar que algum modo de relação entre os sexos ou gêneros possa ser bom ou natural e outro mau ou antinatural.

d. Não se poderia restringir a liberdade sexual de ninguém.

Conseqüências sociais:
a. Eliminação do casamento porque toda união sexual teria o mesmo valor. Com efeito, o casamento entre um homem e uma mulher, que formam uma comunidade de vida e de bens com a finalidade de procriar e educar filhos, foi privilegiado entre as outras formas de união entre os sexos.

b. Eliminação da família, porque qualquer união sexual origina um novo “tipo de família”.

c. Eliminação da sociedade, por destruição de sua célula básica.

O Brasil tem-se destacado vergonhosamente pelo
apoio maciço a essa ideologia. É mais do que necessário visualizar o nível de manipulação a que a sociedade está submetida por um pequeno grupo de pessoas dispostas a implementar posições minoritárias contra a natureza humana, à luz de distorção de palavras e de idéias. A preocupação primária de tais ideólogos é alterar a essência de conceitos genéricos, difundindo-o pela sociedade até convencê-la de que a adulteração corresponde ao verdadeiro sentido conceitual daquela palavra ou daquela idéia reinterpretada. É uma ideologia sutil porque não procura se impor pela força das armas mas, utilizando a propaganda para mudar as mentes e os corações dos homens, sem aparente derramamento de sangue. É a manipulação de conceitos, da linguagem, para a detenção do poder. Cabe a nós lutarmos contra ela a fim de minimizar seus danos ao ser humano, à família, à sociedade e a sua ofensa à soberania de Deus.
Escrito por Saulo Navarro

BISPO FALA A VERDADE






Por Dom Henrique Soares,

Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Aracajú-SE



A situação é extremamente preocupante: no Brasil, há uma televisão de altíssimo nível técnico e baixíssimo nível de programação. Sem nenhum controle ético por parte da sociedade, os chamados canais abertos (aqueles que se podem assistir gratuitamente)fazem a cabeça dos brasileiros e, com precisão satânica, vão destruindo tudo que encontram pela frente: a sacralidade da família, a fidelidade conjugal, o respeito e veneração dos filhos para com os pais, o sentido de tradição (isto é, saber valorizar e acolher os valores e as experiências das gerações passadas), as virtudes, a castidade, a indissolubilidade do matrimônio, o respeito pela religião, o temor amoroso para com Deus.

Na telinha, tudo é permitido, tudo é bonitinho, tudo é novidade, tudo é relativo! Na telinha, a vida é pra gente bonita, sarada, corpo legal… A vida é sucesso, é romance com final feliz, é amor livre, aberto desimpedido, é vida que cada um faz e constrói como bem quer e entende! Na telinha tem a Xuxa, a Xuxinha, inocente, com rostinho de anjo, que ensina às jovens o amor liberado e o sexo sem amor, somente pra fabricar um filho… Na telinha tem o Gugu, que aprendeu com a Xuxa e também fabricou um bebê… Na telinha tem os debates frívolos do Fantástico, show da vida ilusória… Na telinha tem ainda as novelas que ensinam a trair, a mentir, a explorar e a desvalorizar a família… Na telinha tem o show de baixaria do Ratinho e do programa vespertino da Bandeirantes, o cinismo cafona da Hebe, a ilusão da Fama… Enquanto na realidade que ela, a satânica telinha ajuda a criar, te mos adolescentes grávidas deixando os pais loucos e a o futuro comprometido, jovens com uma visão fútil e superficial da vida, a violência urbana, em grande parte fruto da demolição das famílias e da ausência de Deus na vida das pessoas, os entorpecentes, um culto ridículo do corpo, a pobreza e a injustiça social… E a telinha destruindo valores e criando ilusão…

E quando se questiona a qualidade da programação e se pede alguma forma de controle sobre os meios de comunicação, as respostas são prontinhas: (1) assiste quem quer e quem gosta, (2) a programação é espelho da vida real, (3) controlar e informação é antidemocrático e ditatorial… Assim, com tais desculpas esfarrapadas, a bênção covarde e omissa de nossos dirigentes dos três poderes e a omissão medrosa das várias organizações da sociedade civil – incluindo a Igreja, infelizmente – vai a televisão envenenando, destruindo, invertendo valores, fazendo da futilidade e do paganismo a marca registrada da comunicação brasileira…
Um triste e último exemplo de tudo isso é o atual programa da Globo, o Big Brother (e também aquela outra porcaria, do SBT, chamada Casa dos Artistas…). Observe-se como o Pedro Bial, apresentador global, chama os personagens do programa: “Meus heróis! Meus guerreiros!” – Pobre Brasil! Que tipo de heróis, que guerreiros! E, no entanto, são essas pessoas absolutamente medíocres e vulgares que são indicadas como modelos para os nossos jovens!

Como o programa é feito por pessoas reais, como são na vida, é ainda mais triste e preocupante, porque se pode ver o nível humano tão baixo a que chegamos! Uma semana de convivência e a orgia corria solta… Os palavrões são abundantes, o prato nosso de cada dia… A grande preocupação de todos – assunto de debates, colóquios e até crises – é a forma física e, pra completar a chanchada, esse pessoal, tranqüilamente dá-se as mãos para invocar Jesus… Um jesusinho bem tolinho, invertebrado e inofensivo, que não exige nada, não tem nenhuma influência no comportamento público e privado das pessoas… Um jesusinho de encomenda, a gosto do freguês… que não tem nada a ver com o Jesus vivo e verdadeiro do Evangelho, que é todo carinho, misericórdia e compaixão, mas odeia o fingimento, a hipocrisia, a vulgaridade e a falta de compromisso com ele na vida e exige de nós conversão contínua! Um jesusinho tão bonzinho quanto falsificado… Quanta gente deve ter ficado emocionada com os “heróis” do Pedro Bial cantando “Jesus Cristo, eu estou aqui!”

Até quando a televisão vai assim? Até quando os brasileiros ficaremos calados? Pior ainda: até quando os pais deixarão correr solta a programação televisiva em suas casas sem conversarem sobre o problema com seus filhos e sem exercerem uma sábia e equilibrada censura? Isso mesmo: censura! Os pais devem ter a responsabilidade de saber a que programas de TV seus filhos assistem, que sites da internet seus filhos visitam e, assim, orientar, conversar, analisar com eles o conteúdo de toda essa parafernália de comunicação e, se preciso, censurar este ou aquele programa. Censura com amor, censura com explicação dos motivos, não é mal; é bem! Ninguém é feliz na vida fazendo tudo que quer, ninguém amadurece se não conhece limites; ninguém é verdadeiramente humano se não edifica a vida sobre valores sólidos… E ninguémterá valores sólidos se não aprende desde cedo a escolher, selecionar, buscar o que é belo e bom, evitando o que polui o coração, mancha a consciência e deturpa a razão!

Aqui não se trata de ser moralista, mas de chamar atenção para uma realidade muito grave que tem provocado danos seríssimos na sociedade. Quem dera que de um modo ou de outro, estas linha de editorial servissem para fazer pensar e discutir e modificar o comportamento e as atitudes de algumas pessoas diante dos meios de comunicação.



O GRUPO GUARARAPES BATE PALMAS AO BISPO DOM HENRIQUE SOARES

Estudo comprova que 95% das pessoas se comportam como "Ovelhas"





Pois é ... incrível não?! Num post anterior, escrevi sobre: "Você está consciente ou inconsciente", tentando chamar a atenção para o como estamos "ligados no automático" e nem notamos. Vivemos num mundo sistemico cheio de regras, normas, leis etc etc ... E defendemos tudo isso como um lema: "Nosso sistema, nossa vida". Um cético critica um crente por crer em algo que não pode provar, mas o cético CRÊ no sistema em que vive cegamente. Ou seja, é um cético sem consciencia de sua "fé". Deu na mesma! O resultado de uma "equação" sem resultado. Um paradoxo! Daí lembro do cachorro correndo atrás do próprio rabo ... e imagino com certo humor: O que será que esse cachorro tá pensando? Será que ele tem fé que realmente irá alcançar o rabo? (rs).

Enfim, um estudo muito recente foi publicado na "Natural News" que constatou que 95% das pessoas são "Sheeple". Ou seja, possuem um comportamento de "Sheeple".



E o que vem a ser um "Sheeple"??? Pra simplificar, peguei a definição do Wikipedia mesmo.


"Sheeple, do inglês Sheep (ovelha) + People (Pessoas), é um termo pejorativo o qual atribui o comportamento de um rebanho de ovelhas de seguirem umas as outras ao fato de que as pessoas acreditam no que é dito sem uma pesquisa prévia sobre o assunto, o conceito de uma pessoa simplesmente seguir ordens de uma pessoa que parece confiável ou uma autoridade, o termo sheeple é constantemente utilizado nos cenários políticos e religiosos." Há 3 tipos de ignorantes:
O primeiro é o ignorante que apenas não sabe de algo.
O segundo é o ignorante que não sabe de algo e não lhe interessa saber nada desse algo.

E o terceiro é o ignorante que não sabe, não lhe interessa saber e ele ainda tem raiva dos que se interessam em saber. Daí ele se torna o ignorante do ignorante. Além de ignorar, é complacente, tira sarro de algo que ele mesmo não entende, pois nunca investigou. Se conforma com o ambiente em que vive, até porque desde que ele nasceu, as coisas são como são. E sua ignorância ingênua (naive), o torna cada vez mais auto-sádico (self-sadistic). Uma verdadeira OVELHA mesmo ... !!!

Cuidado! Se você defende uma crença cegamente, e digo cegamente pois você mesmo nunca pesquisou mais a fundo o porque acreditar nela, então você se enquadra nesse perfil de "Sheeple".

Romper com uma crença é como quebrar um sistema, desinstalar um programa. E a apartir daí, é você que comanda sua vida, sua crença, e pode evoluir todas suas premissas baseadas na sua consciencia. Você pára de afirmar e aprende a REFLETIR !!! Resumindo ... Você PENSA por si mesmo e deixa de ser um escravo!
Fontes:
http://rmorais76.blogspot.com.br/2012/02/sheeple-estudo-comprova-que-95-das.html http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-sheeple-estudo-comprova-que-95-das-pessoas-se-comportam-como-ovelhas

Finalmente, um candidato honesto


.............................


..........................



A leviana diplomacia do espetáculo


clique na gravura para ampliá-la


Elio Gaspari

Poucas vezes a diplomacia brasileira meteu-se numa estudantada semelhante à truculenta intervenção nos assuntos internos do Paraguai. O presidente Fernando Lugo foi impedido por 39 votos a 4, num ato soberano do Senado. Nenhum soldado foi à rua, nenhuma linha de noticiário foi censurada, o ex-bispo promíscuo aceitou o resultado, continua vivendo na sua casa de Assunção e foi substituído pelo vice-presidente, seu companheiro de chapa. Nada a ver com o golpe hondurenho de 2009, durante o qual o presidente Zelaya foi embarcado para o exílio no meio da noite.


Quando começou a crise que levou ao impedimento de Lugo, a diplomacia de eventos da doutora Dilma estava ocupada com a cenografia da Rio+20. Pode-se supor que a embaixada brasileira em Assunção houvesse alertado Brasília para a gravidade da crise, mas foi a inquietação da presidente argentina Cristina Kirchner que mobilizou o Brasil. A doutora achou conveniente mobilizar os chanceleres do Unasul, uma entidade ectoplásmica, filha da fantasia do multilateralismo que encanta o chanceler Antonio Patriota.


As relações do Brasil com o Paraguai não podem ser regidas por critérios multilaterais. Foi no mano a mano que o presidente Fernando Henrique Cardoso impediu um golpe contra o presidente Juan Carlos Wasmosy em 1996. Fez isso sem espetacularização da crise. A decisão de excluir o Paraguai da reunião do Mercosul é prepotente e inútil. Quando se vê que o presidente Hugo Chavez, da Venezuela, cortou o fornecimento de petróleo ao Paraguai e que a Argentina foi além nas suas sanções, percebe-se quem está a reboque de quem.
Multilateralismo no qual cada um faz o que quer é novidade. Existe uma coisa chamada Mercosul, banem o Paraguai mas querem incluir nele a Venezuela, que não está na região e muito menos é exemplo de democracia. Baniu-se o Paraguai porque Lugo foi submetido a um rito sumário. O impedimento seguiu o rito constitucional. Ao novo governo paraguaio não foi dada sequer a palavra na reunião que decidiu o banimento.


Lugo aceitou a decisão do Congresso e agora diz que liderará uma oposição baseada na mobilização dos movimentos sociais. Direito dele, mas, se o Brasil associa-se a esse tipo de política, transforma suas relações diplomáticas numa espécie de Cúpula dos Povos. Vai todo mundo para o Aterro do Flamengo, organiza-se um grande evento, não dá em nada, mas reconheça-se que se fez um bonito espetáculo.


O multilateralismo da diplomacia da doutora Dilma é uma perigosa parolagem. Quando ela se aborreceu, com razão, porque um burocrata da Organização dos Estados Americanos condenou as obras da hidrelétrica de Belo Monte, simplesmente retirou do fôro o embaixador brasileiro. A OEA é uma irrelevância, mas, para quem gosta de multilateralismo, merece respeito.


A diplomacia brasileira teve um ataque de nervos na Bacia do Prata. O multilateralismo que instrui a estudantada em defesa de Lugo é típica de uma política externa biruta. O chanceler Antonio Patriota poderia ter se reunido com o então vice-presidente paraguaio Federico Franco vinte vezes, mas, se a Argentina queria tomar medidas mais duras, ele não deveria ter ido para uma reunião conjunta, arriscando-se ao papel de adorno.

Ele trabalhou para um dos réus do mensalão e precisa decidir se vai participar do julgamento





Não sou advogado mas creio que através de uma ação civil pública poder-se-á arguir a suspeição do TOFOLLI no julgamento do mensalão. A única dúvida que tenho é que se o o julgamento da ação interromperá o trâmite do processo no STF.




Dias Toffoli: ministro do Supremo tem dito que anunciará a decisão às vésperas do julgamento, marcado para começar em 02 de agosto
O Globo / Gustavo Miranda



BRASÍLIA - Amigo do ex-ministro José Dirceu, o ministro José Antonio Dias Toffoli enfrenta o dilema de ter que se declarar impedido para votar no
caso do mensalão.

Não bastasse a relação pessoal de Toffoli com Dirceu, que é um dos réus do processo, a advogada Roberta Rangel, que mora com o ministro, atuou no caso durante a sessão de recebimento da denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF).
Toffoli não era ministro na época, mas a legislação prevê que isso é motivo para impedimento do juiz.

Em junho de 2005, quando estourou o mensalão, Toffoli era subchefe para Assuntos Jurídicos da Casa Civil. Respondia diretamente ao ministro José Dirceu.
Em entrevista, o então deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) afirmou que o governo Lula pagava propina a parlamentares da base em troca de apoio.

Dirceu seria o cabeça do esquema. Sete anos depois, Toffoli, como ministro do Supremo, deve julgar Dirceu por corrupção ativa e formação de quadrilha.

Quando falta vergonha, não há limite — Memorial “Eu Me Amo”, de Lula, será erguido com dinheiro público em terreno público. É a privatização da história, da democracia, do patrimônio coletivo e do dinheiro dos pobres!




Lula, o sem-limites, agora quer dinheiro público — incentivo da Lei Rouanet — para erguer o seu “Memorial da Democracia”. Ele já ganhou um terreno em São Paulo. É a privatização de uma área pública, da nossa grana e da história. Lembram-se quando afirmei que era errada a ideia de que ele e Paulo Maluf são seres constrastantes? Leiam. Debatam. Passem adiante.
*
Se o historiador Sérgio Buarque de Holanda (1902-1982), fundador do PT e autor de “Raízes do Brasil”, vivo fosse, estaria diante de uma excelente oportunidade para refletir sobre as relações de compadrio, familismo e patrimonialismo que remanescem na política brasileira, só que agora sob o comando e o controle do partido que ele ajudou a criar. Talvez se deprimisse: se um dos filhos, Chico Jabuti, compôs, por assim dizer, a trilha sonora da mistificação partidária, uma das filhas, Ana de Hollanda (com dois “eles”) será a operadora de um assalto aos cofres públicos.

Bernardo Mello Franco informa na
Folha de hoje que a ministra da Cultura decidiu que o Instituto Lula poderá captar recursos da Lei Rouanet para criar o tal “Memorial da Democracia”. É aquela iniciativa para a qual o prefeito Gilberto Kassab, atendendo a um pedido expresso do Babalorixá de Banânia, doou um terreno no centro de São Paulo, com aprovação da maioria da Câmara dos Vereadores.

Herói é você, que sobrevive no Brasil mesmo com a classe política que aí está, não Lula. Ele é só um contumaz sabotador de governos alheios, que agora pretende, com a privatização de terreno e dinheiro públicos, erguer o Museu das Imposturas. De resto, basta que ele estale os dedos, e haverá empresários em penca dispostos a lhe encher as burras de grana.
Por que essa verdadeira compulsão pelo nosso dinheiro, Lula?

Por Reinaldo Azevedo

AH, MAS ELE É DA TURMA DOS PTRALHAS, NÉ? ENTÃO NÃO VAI DAR EM NADA! TROPA DE CANALHAS!

 
 
 

AH, MAS ELE É DA TURMA DOS PTRALHAS, NÉ? ENTÃO NÃO VAI DAR EM NADA! TROPA DE CANALHAS!

"Novas escutas da Polícia Federal indicam que o governador Agnelo Queiroz (PT) deu aval para que o esquema do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, explorasse linhas de ônibus no Distrito Federal antes de a licitação para o serviço ser lançada.

Conforme as interceptações telefônicas, obtidas com autorização judicial, os diretores da Delta Construções, empreiteira suspeita de envolvimento no esquema do contraventor, chegaram a marcar uma reunião com o petista para 29 de fevereiro, dia em que foi deflagrada a Operação Monte Carlo, com a prisão de Cachoeira e vários integrantes do grupo. (...)"


Paul Harvey- se eu fosse o diabo




Se eu fosse o Demônio ... Se eu fosse o Príncipe das Trevas, eu gostaria de engolir todo o mundo nas trevas. E se eu tivesse um terço das terras e quatro quintos de sua população, eu não seria feliz até que eu tivesse a maçã mais madura da árvore - Você. Então eu faria tudo que fosse necessário para possuir os Estados Unidos. Eu subverteria primeiro as igrejas - eu começaria com uma campanha de sussurros. Com a sabedoria de uma serpente, eu sussurraria para você, como eu sussurrei para Eva: "Faça tudo que você quiser."


Para os jovens, gostaria de sussurrar que "A Bíblia é um mito". Eu iria convencê-los que o homem criou Deus ao invés do contrário. Eu diria em segredo para eles que o que é ruim é bom, e o que é bom está "fora de moda". E ao velho, eu iria ensinar a rezar 'Pai nosso, que estás em Washington ...


E então eu me organizaria.


Eu ensinaria aos escritores a fazer literatura sensacionalista emocionante, de modo que qualquer outra coisa parecesse aborrecida e desinteressante. Eu ameaçaria a TV com filmes de baixo nível e vice-versa. Eu forneceria narcóticos para todos. Eu venderia álcool para senhores e senhoras da sociedade. Eu tranqüilizaria o resto com comprimidos.


Se eu fosse o diabo eu colocaria as famílias em guerra com elas mesmas, as igrejas em guerra com si mesmas, e as nações em guerra, até que cada uma por sua vez fosse consumida. Eu prometeria a imprensa maior nível de audiência para jogá-las na mesmice e se destruírem. Se eu fosse o diabo eu iria encorajar às escolas a refinar o intelecto dos jovens, mas a negligenciar a disciplina - apenas deixem eles correrem soltos, antes que você percebesse, você teria que ter cães farejadores de drogas e detectores de metal em cada porta da escola.


Dentro de uma década eu teria presídios transbordando, eu teria juízes promovendo pornografia - logo eu poderia expulsar Deus do tribunal, depois da escola, e, em seguida, das casas do Congresso. Nas igrejas, eu substituiria religião por psicologia e endeusaria a ciência. Gostaria de atrair padres e pastores para abusar de meninos e meninas, e para usar o dinheiro das igrejas em proveito próprio. Se eu fosse o diabo, eu iria tornar os símbolos da Páscoa em apenas um ovo e o símbolo do Natal eu transformaria em uma garrafa de bebida.

Se eu fosse o diabo eu tiraria daqueles que têm, e daria àqueles queriam até que eu matasse o incentivo do ambicioso. E onde você apostaria? Eu faria com que todos os estados promovessem o jogo como forma de ficar rico? Eu alertaria contra os extremos, o trabalho duro, o patriotismo e a conduta moral. Convenceria os jovem que o casamento é coisa antiga, que ficar é bem mais divertido, que o que você vê na TV é a maneira certa de viver. E assim eu poderia despir todos em público, e levá-los a transar com pessoas com doenças incuráveis. Em outras palavras, se eu fosse o diabo, eu continuaria fazendo o que ele está fazendo NO bRASIL. bom dia. "

PAUL HARVEY

Baianos pedem impeachment



....................................................................

hahahhahahahhahahahahahahhahahahahah




BRASÍLIA — O governo cubano decidiu hoje (26) retirar do Paraguai o seu embaixador em Assunção, Bernardo Guanche Hernández.
Segundo o Ministério das Relações Exteriores de Cuba, o país não reconhecerá qualquer governo que não seja eleito de forma
legítima.

Brasil: a Meca da Mediocridade



UM HOMEM SEM RODEIOS -
ENTREVISTA DO POETA E FILÓSOFO ÂNGELO MONTEIRO AO DIÁRIO DE PERNAMBUCO (24/06/2012)

Por que a arte se tornou um desastre?

Estamos vivendo o império da antiarte. Em todos os setores. A maior parte do que se faz hoje em arte interessa mais à polícia de costumes do que ao domínio dela na cultura. Como o caso do costarriquenho Habacuc Vargas que, numa exposição, fez de um vira-lata uma instalação perecível. Até a morte do animal. Ou da artista plástica, acho que pernambucana, que fez de sua masturbação pública um ato de criação estética. A arte virou uma mescla delinquente de sua debilidade mental. Dentro desse quadro especial, no Brasil, você verifica que não há lugar para poesia dentro da cultura. Por quê? Se no âmbito internacional, isso ocorre, no Brasil, que é uma cultura periférica, a coisa é muito mais grave. O Brasil reflete e exporta o que há de pior. É a Meca da mediocridade.

Quem seriam os ideólogos do vazio?

Por trás dessa teoria, existe uma tremenda doutrinação marxista. A ênfase na coletivização em detrimento do indivíduo. Ao mesmo tempo em que isso ocorre, enfatiza-se muito a celebridade. Acaba o indivíduo, mas cresce a celebridade. Parece contraditório, mas penso se tratar de uma compensação pela destruição da individualidade. Nem no romantismo tivemos uma valorização tão grande da figura do artista, porque tínhamos ainda a inspiração. Quando você evoca a inspiração, você admite algo que extrapola essa figura. É mais importante o artista enquanto instrumento da criação e não uma projeção de sua vaidade, de sua autossuficiência. Teóricos como (Gilles) Deleuze, (Jacques) Derrida e Michel Foucault passam a levar a sério tudo aquilo que não alcançou, até então, qualquer status na história da cultura. O exemplo típico é o urinol de Duchamp (obra intitulada A fonte), que está na capa do livro Arte e desastre. O urinol de Duchamp provocou mais questões teóricas que toda a história artística do ocidente. É um mistério, e nós sabemos qual é a função do urinol. Não me parece que tenha nenhuma função estética.

É o que o senhor chama de mania de desconstrução. A universidade tem lá sua responsabilidade nisso, não tem?

É a transgressão erigida em norma, em valor. Qualquer transgressão passa a ter valor pela sua capacidade de desconstruir toda criação valiosa. Ora, o que está por trás dessa desconstrução? Obviamente, trata-se de um tentativa séria de legitimar a erradicação do indivíduo do cenário estético e proclamar o coletivismo. Significa, do ponto de vista ético, a ausência de responsabilidade de cada artista particular. O que ele faz tem a sanção do coletivo logo é bom. Essa visão compromete a ética e a estética ao mesmo tempo. Isso é ensinado e doutrinado nas universidades. Você tem que entrar na cartilha, estudar tudo isso e fingir que está gostando. O ambiente da universidade é deletério, tornou-se assim. Deixou de ser aquilo que fez parte de sua fundação. Carlos Magno procurou sábios, gostava de se cercar deles. Ao passo que hoje a turma procura técnicos de ignorância, pessoas ignorantes de qualquer tipo de humanismo. A verdade é essa. Eu vivi lá e vi o lance. A lembrança que eu tenho é de três ou quatro professores valiosos, apenas. Maria do Carmo Tavares de Miranda, que criou o departamento de filosofia, Nelson Saldanha, Leônidas Câmara, Ariano Suassuna. São poucos. Dominantemente, o clima favorece mais a busca de cargos, de verbas.

O senhor sempre fala da figura do cachorro. Por quê?

Você olha para certo tipo de cachorro e vê nele mais filosofia do que em muitos colegas da universidade. Alguns cachorros têm aquele olhar melancólico de Heráclito de Éfeso, da escola do devir. Outros são heideggerianos. Eu tenho uma certa afinidade com os cachorros, apesar de não ser daquele escola grega dos cínicos, que é uma palavra que vem de cão (kynikos é adjetivo de kynon, que significa “cão”). Por que é que eu passei a identificar cachorros com filósofos? Porque Platão, que era um gozador emérito, declara em A República que o cão é o verdadeiro filósofo. O cão sabe distinguir o dono do estranho que está chegando. Qual a função da filosofia senão a guarda do ser? O filósofo é o cão de guarda do ser. E não é por acaso que, em Curitiba, uma cachorra se apaixonou por mim. Quando me viu ficou doida.

O senhor afirma que mesmo os ateus marxistas deveriam frequentar uma missa. Por quê?

Eu não tenho lembrança de nenhum cara de esquerda ético. A ética não existia em nenhuma relação humana marcada pelo marxismo. Ética é coisa da burguesia. Toda ética era burguesa. No convívio com esse pessoal, eu não via nenhuma preocupação ética. Agora imagine o que acontece num regime totalitário de esquerda. Ninguém é responsável por nada. Você pode matar à vontade à serviço da revolução. Tanto que eles são vampiros. Pegam uma figura como Nietzsche e vampirizam a serviço da causa. Não tem figura mais antimarxista que Nietzsche. Aliás, uma figura que é colocada como mestre da suspeita. Tudo é suspeita. Como é que você pode ter uma visão crítica se você não passa pelo estágio mítico? Isso é ideologia pura. O cara já sai vacinado contra tudo. Nunca esqueci de um espanhol que disse que a missa é uma tourada. Como? Tem ofertório, consagração e comunhão (risos). Ele queria dizer que a tourada é um espetáculo estético. Mas a missa é um espetáculo obviamente muito mais refinado que uma tourada. Você tem toda a encenação. É um auto. Então, se o cara não aprender a ter fé, ele aprende pelo menos a gostar de estética. O ateísmo é um péssimo conselheiro em arte. Por exemplo, 90% do que Pablo Neruda escreveu não vale nada, porque ele leu Marx. Nós somos um país jovem, mas já demos padre José Maurício (Nunes Garcia), Villa-Lobos, Jorge de Lima, Drummond, Gilberto Freyre. Eis o problema. O meu medo é que a classe média brasileira domine o mundo, porque ela vai acabar com a cultura universal. Uma classe média que paga para ver Roberto Carlos vestido de marinheiro dentro de um navio é uma classe média que não tem nada na cabeça. Isso é brincadeira para menino de 8 anos. A classe média brasileira é isso. Nela, não há lugar para a arte.